Venezuelanos são atendidos em ação de cidadania em Manaus

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Os 158 indígenas Warao das três casas de acolhimento da Prefeitura de Manaus e imigrantes venezuelanos não indígenas participaram, neste sábado, 17/3, da Ação de Cidadania realizada no Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC) do Uai Shopping, na zona Leste.“Este é mais um trabalho que estamos desenvolvendo junto aos imigrantes venezuelanos de forma a oferecer melhores condições de vida, dentro da nossa cidade. Tem sido uma determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto que as secretarias municipais da Assistência Social, Saúde, Educação e Trabalho empreendam esforços no sentido de que essas pessoas tenham o atendimento necessário para se integrarem em nossa sociedade”, afirmou o secretário Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos, Elias Emanuel.

Durante todo o dia foram ofertados serviços como emissão de documentos (CPF e Carteira de Trabalho), inserção no Cadastro Único (CadÚnico) que é porta de entrada para benefícios socioassistenciais como o Programa Bolsa Família, e atendimento médico. Trinta e nove famílias venezuelanas foram inseridas no Cadastro Único.

“Os venezuelanos serão inseridos no Cadastro Único e em seguida caberá ao Governo Federal a avaliação do perfil de cada família e em quais programas sociais eles se enquadram de acordo com as suas informações socioeconômicas”, afirmou o chefe da Divisão de Renda e Cidadania da SemmasdhDouglas Marques.

Além da Semmasdh, a ação foi organizada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Superintendência Regional do Trabalho no Amazonas (SRT-AM), Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Trabalho (MPT), Receita Federal, Polícia Federal, Defensoria Pública da União (DPU) e Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc).

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta