Grupo convoca para a “Marcha da Maconha” no sábado em Manaus e gera reações de evangélicos e policiais

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Um grupo liderado pelo professor Ivan Viana do Nascimento, postou vídeo nas redes sociais ontem convocando os internautas para participar da “Marcha da Maconha”, um movimento que defende a legalização da droga. O ato está marcado para sábado, às 16h, no Largo de São Sebastião, Centro de Manaus, e gerou reações dos policiais e de evangélicos, que promovem no mesmo dia e quase no mesmo horário a “Marcha para Jesus”.

“É um absurdo defender a legalização de uma droga que só faz mal”, diz o vereador e apóstolo Marcel Alexandre (Podemos). Ele fez pronunciamento hoje na Câmara Municipal de Manaus pedindo às autoridades que atuam para impedir o movimento.

Os defensores da causa dizem que estão exercitando a liberdade de expressão e garantem que o movimento é apartidário e não tem apoio oficial.

Já os policiais reagiram ironicamente, postando em redes sociais memes anunciando que Batalhões da Polícia Militar se farão presentes ao ato.

Veja o vídeo da convocação e um dos memes portado por policiais:

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Anônimo

    Este ato é um ato criminoso. Este professor deveria ser afastado de suas funções. É um mal exemplo para a nossa Juventude. Daniel Melo.

Deixe uma resposta