Flexibilização faz aumentar número de acidentes de trânsito e de embriagues ao volante

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Trinta acidentes de trânsito foram registrados nas ruas de Manaus, sendo um deles fatal com vítimas, no final de semana. As ocorrências aconteceram em 20 bairros da cidade. Ao todo, 13 pessoas ficaram feridas e precisaram de atendimento médico. A Polícia Militar prendeu um homem por homicídio culposo de trânsito consumado. Já o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) realizou operações de fiscalização de trânsito e da Lei Seca. Foram 58 testes positivos de bafômetro e mais de 100 autos de infrações emitidos, entre a noite de sexta-feira (30/04) e a noite de domingo (02/05).

As ocorrências foram registradas entre a sexta-feira (30/04) e a noite de domingo (02/05). As informações foram coletadas em relatórios do Instituto Médico Legal (IML), Corpo de Bombeiros e Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops).

Na sexta-feira, um acidente entre uma motocicleta e um carro foi registrado na avenida Desembargador João Machado, bairro Alvorada 1, zona oeste da capital. O condutor da motocicleta ficou preso embaixo do carro e uma pessoa que estava na garupa da moto foi arremessada. O motorista e a pessoa da garupa foram a óbito. Já o condutor do carro foi apresentado ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP) por homicídio culposo de trânsito.

Embriagados

Na noite de sexta-feira, as fiscalizações aconteceram na rua Coronel Ferreira de Araújo, bairro Petrópolis, e também na rua Esus, bairro Tarumã, zonas sul e oeste da capital. Na ação, foram constatados 11 motoristas alcoolizados conduzindo veículos, além de dois que se recusaram a fazer o teste do bafômetro; e 12 veículos foram removidos por irregularidades.

No sábado, as abordagens foram realizadas nas avenidas Djalma Batista e Mário Ypiranga Monteiro, localizadas na zona centro-sul da capital. Ao todo, 59 autos de infração foram emitidos, sendo 14 por alcoolemia. Nesse dia, também, seis carros e uma motocicleta foram removidos para o parqueamento do Detran-AM.

Na operação realizada no domingo, o foco foi o retorno dos sítios e flutuantes. A blitz foi montada na rua Agente Mauro Lobo, localizada no bairro Ponta Negra, zona oeste. No local, 33 condutores foram flagrados no bafômetro e sete se recusaram a fazer o teste. Foram 67 infrações cometidas, resultando em três veículos removidos, 29 Carteiras Nacional de Habilitação (CNHs) e dois Certificados de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) recolhidos.

Recorde Histórico

Em agosto de 2020, o Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot) do Detran Amazonas registrou um recorde histórico de flagrantes de pessoas dirigindo sob o efeito de bebida alcoólica. Foram 62 testes positivos de bafômetro constatados entre a noite de uma sexta-feira até domingo (23/08).

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), quem for pego dirigindo sob o efeito de bebida alcoólica tem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida e passa a responder a processo para suspensão do documento. Além disso, o condutor é multado em R$ 2.934,70. Ele também pode ter o veículo removido caso não haja pessoa habilitada e sóbria para assumir a direção.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta