Em painel com governantes inexpressivos, Melo pede dinheiro, mas ninguém ouve

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

melo painel

“O mundo precisa ajudar o Amazonas a manter o total de 97% da sua cobertura vegetal  preservada. Esta é uma responsabilidade que deve ser de todos e a população do meu Estado tem que ser compensada por não mexer nas riquezas naturais que temos em nossa região”. Foi com esse argumento que o governador José Melo participou ontem do painel “Líderes Regionais Mostram o Caminho”, um evento menor, desprestigiado, da Conferência Mundial das Nações Unidas para Mudanças Climáticas, a COP-21, em Paris, na França.

Com ele no palco estavam o governador Ben Ayad, de Cross River, na Nigéria; Manoel Gambini, de Ucayall, no Peru, e José Aristóteles Sandoval, de Jalisco, no México. Foi uma espécie de arrumadinho em meio a um evento que reúne os maiores líderes mundiais.

Segundo Melo, o Amazonas possui hoje 54% da sua área protegida, sendo 12% por reserva estadual, 15% de reservas federais e 27% de terras indígenas. Numa projeção econômica levando em consideração os estoques de carbono nas áreas de Unidades de Conservação Estaduais do Amazonas (192 milhões de toneladas de CO2) ao preço médio de U$ 5, números fornecido pelo Fundo Amazônia e pelo Mercado Voluntário, o potencial de captação de recursos seria da ordem de R$ 3,6 bilhões, o suficiente para suprir a demanda financeira para a consolidação e manutenção das Unidades de Conservação, cerca de R$ 200 milhões em 10 anos.

Só que os ambientalistas não vêem no atual governo do Estado credibilidade para receber um centavo deste recurso.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Lucas

    O pior e mais cara de pau dos governadores, quer arrumar dinheiro de todos os lados para pagar os juízes para que ele não saía do governo , tá igual prostituta querendo dinheiro de todo jeito.. cara de pau sem vergonha mesmo… fica adiando as datas de pagamentos dos funcionários, sinceramente tomara que esse cara saía e deixe o Henrique Oliveira governar….. se esse Mestre dos magos e seu irmao Evandro Merda continuarem a frente do governo do Amazonas, estamos ferrados….

Deixe uma resposta