Associação fundada por “delessários” apresenta plano para mudar plantões nas Delegacias

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print
reunião adepol
Na tarde da última quarta-feira (25) a diretoria da Adepol-AM se reuniu com o Secretário de Segurança Pública, Dr. Sérgio Fontes, para falar sobre questões importantes envolvendo os delegados de Polícia Civil do Estado do Amazonas, especialmente a respeito dos plantões nas delegacias.

Atualmente, existem 342 autoridades policiais em todo o Estado, sendo 48 delegados plantonistas. Na capital, Manaus, funcionam 12 Distritos Integrados de Polícia Civil denominados “Centrais de Flagrantes”, com plantões iniciando a partir das 17h. Portanto, os delegados plantonistas assumem sua respectiva delegacia às 8h e só saem às 8h do dia seguinte, completando 24 horas de serviço trabalhado, por 72h de folga.
A Adepol-AM, baseada no direito à saúde do servidor, que é um direito constitucional, previsto nos arts. 6º e 225 da Constituição Federal, apresenta uma proposta de otimização de plantões, visto que, na atual situação dos delegados plantonistas, há um maior cansaço, estresse, desgaste físico e psicológico, levando em conta o exercício da investigação policial, além dos diversos tipos de atendimentos à população.
Depois de protocolado o documento com a proposta de humanização dos plantões, o Secretário sugeriu uma reunião na próxima semana com os diretores da Adepol-AM para discutir e aprimorar o projeto. Foi decidido também que será discutida a situação das delegacias do interior possuírem presos de Justiça, que devem ser encaminhados para presídios, evitando a super lotação e ameaça à segurança pública dos municípios do Amazonas e dos próprios servidores lotados nestas unidade policiais.

 

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta