Amazonino reaparece em entrevista e, nos bastidores, aventa possibilidade de disputar o governo em 2018

O ex-governador Amazonino Mendes saiu hoje surpreendentemente de seu retiro voluntário na casa do Tarumã para conceder uma entrevista de mais de 10 minutos ao programa Bom Dia Amazônia, em que procurou destacar seu conhecimento sobre a Zona Franca de Manaus, que está prestes a completar 50 anos de existência. O único político elogiado por ele foi o governador José Melo, de quem estaria buscando apoio para concorrer ao governo do Estado em 2018.

O comentário já era corrente nos bastidores, mas intensificou-se a partir de antrevista de hoje. Amazonino está filiado ao PDT, mas não tem participado das atividades da legenda. O deputado Hissa Abrahão, presidente regional da legenda, é, entretanto, uma pessoa próxima, com quem ele poderia contar na hipótese de concretizar a pré-candidatura.

Na entrevista, ele elogiou a “nova matriz econômica” de que o governador José Melo vem falando. “Estou aplaudindo de longe, porque é um esboço do que pode ser feito para compensar esses 50 anos que jogamos foram, sem construir alternativas à Zona Franca”, disse ele. Em seu segundo governo, Amazonino lançou algo semelhante, o “Terceiro Ciclo”, que deixou como legado apenas a rota da soja pelo rio Madeira.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY