Surto de Covid-19 em São Gabriel da Cachoeira põe todo o Amazonas em alerta

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) suspendeu todas as atividades externas que reunissem público em São Gabriel da Cachoeira, na região da Cabeça do Cachorro, calha do rio Negro, depois que um surto de Covid-19 atingiu a população do município. A avaliação das autoridades de saúde é de que a contaminação ocorreu a partir da fronteira com a Colômbia. Na área a quantidade de pessoas vacinada ainda é pequena – cerca de 30% – e a maioria dos moradores são indígenas.

O blog apurou que tanto o hospital quanto os postos de saúde de São Gabriel da Cachoeira estão lotados de pessoas com Covid-19. A preocupação agora é não permitir que Manaus seja atingida pelo surto, já que há vôos lotados trafegando entre as duas cidades três vezes por semana, da empresa Azul Linhas Aéreas.

Até mesmo o projeto de erradicação da hanseníase, que deveria começar no dia 7 de novembro naquele município foi suspenso depois que o surto foi constatado. Equipes da Fundação Hemoam que estavam no local para incentivar a coleta de sangue também foram aconselhadas a interromper o serviço.

A FVS-AM ainda não se manifestou oficialmente sobre o assunto.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta