Professores passam a adotar a estratégia de abordar o governador em eventos públicos

Desde a última quinta-feira (16), os professores do Estado, que estão em estado de greve há 35 dias, decidiram adotar a estratégia de abordar o governador Wilson Lima (PSC) em todos os eventos públicos dos quais ele participar. Eles já fizeram isso durante uma inauguração em Manacapuru, naquela data, e ontem, na Assembleia Legislativa, quando da solenidade de entrega do título de Cidadão do Amazonas ao ministro Ricardo Lewandowsky.

Segundo o blog apurou com fontes do Sindicato dos Trabalhadores na Educação do Amazonas, que é a entidade que vem efetivamente liderando o processo, a tendência é que as manifestações sejam mais ruidosas a partir de agora.

A ideia é manter plantões em dois pontos específicos – a sede do Governo do Estado, na Compensa, zona Oeste de Manaus – e a sede da Assembleia Legislativa, no Parque 10, zona Centro-Sul. Nesta última deve começar na terça-feira (21) a discussão do projeto de lei oriundo de mensagem governamental, que estabelece o reajuste da data base e outros benefícios para a categoria.

O blog também apurou com fontes do Governo que Wilson Lima deve conversar com deputados que lhe são simpáticos na Assembleia Legislativa – ele não tem uma base definida – para pedir que não modifiquem o projeto. Em último caso, ele deve vetar as alterações.

Por outro lado, os deputados Wilker Barreto (Podemos) e Dermilson Chagas (PP) estão abordando os colegas para convence-los a radicalizar em favor dos professores. E apoiam a pressão que a categoria deve fazer durante toda a semana, lotando as galerias e a parte externa da Assembleia Legislativa.

Há ainda uma terceira via, comandada pelo presidente da Assembleia Legislativa, Josué Neto (PSD), que quer negociar um meio termo para encerrar logo a greve, se possível ainda na semana que entra. A ideia deste último grupo é montar, de imediato, um calendário de reposição das aulas, assim que o acordo for negociado, entregando à sociedade o pacote completo.

 

LEAVE A REPLY