Não foi para isso, Bolsonaro

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Lamentavelmente estamos assistindo a um verdadeiro déjà vu político institucional no país.

Foi por meio do voto majoritário dos conservadores como eu, de gente da direita, dos liberais e de uma penca de gente desacreditada da má política e desencantada com as diatribes protagonizadas pela esquerda, que você Bolsonaro subiu a rampa do Palácio do Planalto.

O tempo passou para o seu governo eleito que foi com meu voto e de mais outros cinquenta e sete milhões de brasileiros porém, com o passar desse tempo, o que vemos é uma regressão às práticas da velha e carcomida política do toma lá dá cá.

Não foi para isso que te elegemos Bolsonaro!

Não foi para venderes tua alma aos congressistas fisiológicos, interesseiros e mercantilistas do atraso e da corrupção ou para cederes à modorrenta cantilena de parlamentares ávidos por uma verbinha do orçamento federal que te elegemos.

Não foi para trocares favores com gente mal acostumada a somente avançar para destravar o país, se suas mãos forem molhadas com uns trocados retirados dos cofres públicos.

Não te elegemos Bolsonaro para seres refém das velhas e abjetas práticas políticas onde transações nada republicanas ocorrem por debaixo das mesas de reuniões nos gabinetes palacianos.

Nós te elegemos para romperes todos os pactos e tratos que levam à corrupção, às más condutas e aos desvios de grana pública.

Não te elegemos Bolsonaro para, a despeito de livrares teus rebentos tóxicos das teias da justiça, teres que quebrar tuas promessas de campanha e abrires as pernas para as raposas políticas e judiciárias do país e plantares no STF um ministro que atenda apenas aos interesses de uma casta oligárquica e mantenha inalterado o cronograma de sustentação de leis e normas para salvar mandatos, livrar corruptos da cadeia e continuar com o círculo vicioso onde poucos mandam e a maioria tem que obedecer sem chiar.

Não foi para ficares bem com o Congresso Nacional que te elegemos nem para relativizares com os vícios dos políticos e atuar a favor dos mesmos e atrasados costumes que trazem de volta toda sorte de abusos e práticas patrimonialistas que corroem o tecido sociopolíticulturaleconômico da nação.

Não te escolhemos para afrouxares tuas convicções sobre corrupção, lava a jato, prisão em segunda instância, leis anticrimes, independência da Polícia Federal ou para que se continuassem a promover a pilhagem do patrimônio nacional.

Não te elegemos Bolsonaro para desacreditares os organismos sanitários e colocares sob risco a população desfazendo ou fazendo pouco caso das regras de proteção individual e coletiva durante todo o desenrolar de uma pandemia que trás sofrimento e dor e mata centenas de milhares de brasileiros.

Tu Bolsonaro, és presidente, para encarnares na figura de mandatário máximo da nação os bons exemplos em quem os brasileiros deveriam se mirar no enfrentamento a essa doença maldita. Foi para isso que te elegemos Bolsonaro!

Nós te escolhemos para reduzires o tamanho da máquina pública, livrares o país das estatais deficitárias e investires naquilo que é essencial para a sociedade brasileira, qual sejam, saúde, educação, infraestrutura e segurança.

Nós escolhemos um presidente e um programa de governo liberal e conservador ao mesmo tempo, que quebrasse os paradigmas de um modelo econômico onde o estado servia a poucos e muitos se serviam do estado.

Finalmente Bolsonaro, nós te elegemos para romperes com toda as normas escritas ou não que implantasse no país uma ditadura das minorias onde os maus costumes e condutas erráticas de poucos, impusessem costumes e desvios comportamentais sobre a maioria da sociedade.

Ainda há tempo para te redimires e incorporares um verdadeiro programa de governo que atenda aos clamores por um país livre, soberano, solidário, justo e distribuidor de riqueza de modo equânime.
A escolha é tua Bolsonaro!

Lembre sempre que teu colega americano parou no primeiro mandato.

Té logo!

Qual Sua Opinião? Comente: