Lula no tempo do ronca 

Lula parou no tempo; Lula não consegue sair de 2003; Lula governa o país como se ainda estivesse comandando um sindicato.

Chego a pensar que se o Cabo Daciolo tivesse ganhado a eleição, a cadeira do Palácio do Planalto estaria bem melhor ocupada.

Essa versão 3.0 do desgoverno Lula é uma piada, mas, até que Lula fez algumas entregas.

Lula entregou uma vaga no STF a um comunista; Lula entregou o país à chacota da imprensa internacional pelo seu “desempenho” diplomático. Um horror!

Lula entregou ministérios a neófitos e novos ladrões reeditando o governo Dilma.

Por exemplo, na saúde comandada por uma socióloga comunista, Lula entregou para os fornos de incineração mais de 15 milhões de doses de vacina contra a COVID.

Lula entrega para todo o planeta que o Brasil é o campeão mundial de casos de dengue com recordes vergonhosos de mortes por essa doença cuja vacina Lula esconde e não envia para os estados.

Lula entrega a ale mesmo de um ano para o outro um rombo fiscal de mais de 20 bilhões.

Lula entrega de presente para a população mais pobre a taxação de 20% na compra de quinquilharia chinesa nos sites de compras.

Lula entrega aos acionistas das estatais mês após mês empresas endividadas e com menores valores de mercado.

Lula entrega nossa economia, antes equilibrada e sem déficit, a um ministro que diz saber tocar malmente um violão.

Lua dá de “presente” à sociedade brasileira a mais ampla greve de professores, servidores administrativos e agora com a adesão até de estudantes das universidades e escolas de tecnologia. Credo!

Lula entregou o povo gaúcho à própria sorte usando o dinheiro do próprio contribuinte para fazer graça(ou desgraça) dizendo que está ajudando aqueles brasileiros a recuperarem suas vidas e a economia daquele estado vitimado por uma catástrofe.

Na ponta do lápis, Lula gastou mais em viagens internacionais do que em transferência de grana e de serviços ao Rio Grande do Sul.

Eu estou vendo tudo isso, o povo brasileiro sabe de tudo isso, o Congresso Nacional entende tudo isso, por isso, o governo Lula não passa de um arremedo político e gerencial.

Por tudo isso e algo mais, Lula é refém dentro de seu próprio país onde não consegue dar dois passos nas ruas sem ser vaiado ou xingado de “lula ladrão seu lugar é na prisão”.

Só quem ainda não percebeu tudo isso e se fecha em si mesma fazendo de conta que não é com ela, é a mídia tradicional consorciada ao governo que enxerga portas onde só existem paredes.

Essa cegueira profissional da imprensa comprada, um dia vai respingar com gotas ardentes na maioria dos fazedores de uma opinião falsa, combinada, transversa e oblíqua; aí já terá sido muito tarde para recuperar credibilidade.

Esse governo 3.0 do Lula e seu ministério paquidérmico e desastroso são uma lástima política, econômica, social e de gestão.

Não à toa, mês a mês, o povo vai descendo o sarrafo nos costados do ex condenado desaprovando seu governo como nunca antes na história desse país.

Antes tarde do que nunca, o eleitor brasileiro sentiu o drama e sabe que entrou numa roubada(perdoe-me o trocadilho) e condena uma gestão pífia e desastrosa.

Té logo’