Importar

Dentre as várias manifestações surgidas em meio ao massacre que Putin vem efetivando, acabamos de deparar com a afirmação deste “presidente” que “com o seu suposto “lirismo” nutre no seu âmago uma união espiritual entre Moscou e Kiev”. Sinceramente, nunca soubemos que um sanguinário, genocida amasse. Na verdade, não estamos diante de um ataque oriundo de ideologia, mas de tentativa de restaurar uma hoje inexistente “hegemonia russa” só porque um “ser” assim deseja. Não podemos permitir porque no futuro teremos novos ataques a outras nações gratuitamente. Embora, tardiamente, fez bem Biden em acordar para a realidade e o futuro, equipando a Ucrânia para que o quadro seja revertido. E esperemos que os omissos acordem para que se evitem os erros de um passado onde a europa restara dividida e as nações fragilizadas entregues ao lobo. Agir para não se submeter à incógnita de um futuro tão presente aos olhos de supostos seres humanos que se escondem na torpeza de seus malévolos instintos. Sêneca já dizia: “viver significa lutar”.

E, depois de semanas onde Biden hesitava em remeter equipamento pesado para os ucranianos se defenderem por deduzir que as tensões aumentariam; resolvera formatar um pacote contendo artilharia de primeiro mundo e com isto a Ucrânia já afundara o cruzador Moskva no Mar Negro. Um duro golpe que jamais será esquecido. Assim teremos viúvas na Ucrânia e na Rússia também.

Por aqui o povo  tomara conhecimento dos “gemidos” de Alkimin; das idiotices pronunciadas pelo “nine dedos” e até do reconhecimento de que “sem a terceira via todos debandarão rumo a Bolsonaro”; o que se nos afigura como óbvio; em face dos progressos e conquistas que o  governo federal obtivera decorrente da força do trabalho. Não fora somente a C.E.F. que obtivera lucro; mas o Banco Central também e de R$ 85,9 bilhões em 2021. E, a Casa da Moeda apresentara seu “primeiro lucro após 5 anos”, conforme Valor Econômico. O país fora o primeiro a sair de recessão; da pandemia e a continuar pagando o “auxílio” emergencial. Bolsonaro vai limpando aos poucos…e a população colhendo as benfeitorias que  só não são em maior escala porque governadores comunistas nada contribuiram para o progresso…Somos bons, mas não somos silentes.

O inigualável sucesso da última  motociata bem demonstra o reconhecimento do povo que vai as ruas esponteaneamente e arcando o custo da gasolina; nunca houvera troca por pão com mortadela…aos idiotas, cínicos e inconsequentes restaram as frases: “há infração de trânsito”…”cobrança de ingresso” e “área VIP”. E ao “nine dedos” damos o desprezo.

HONOS HABET ONUS… A honra importa responsabilidade” o que os derrotados nas urnas nunca tiveram pois adoram a leviandade, a falsidade e a maledicência; são inimigos do bem.

Qual Sua Opinião? Comente: