Hissa é reeleito presidente do PDT e pode disputar Prefeitura

O ex-deputado federal e ex-vice-prefeito de Manaus, Hissa Abrahão, foi reeleito hoje presidente do Diretório Regional do PDT, em Convenção realizada agora há pouco no auditório da Faculdade de Administração da Universidade Federal do Amazonas. Ele não teve adversários, apesar de um movimento de militantes que o questionavam, e agora pode lançar a própria candidatura a prefeito de Manaus.

Na semana passada o presidente nacional da legenda, Carlos Luppi, esteve em Manaus e reuniu-se com militantes e movimentos sociais, sempre na companhia de Hissa. Ele manifestou apoio à continuidade do ex-deputado à frente do Diretório e aventou a possibilidade de sua candidatura a prefeito de Manaus.

Hissa começou a carreira como vereador pelo PPS, elegeu-se vice-prefeito de Manaus em 2012, mas brigou com o prefeito Arthur Virgílio Neto (PSDB) e acabou lançando uma bem sucedida candidatura a deputado federal, em 2014. Já investido do mandato, entrou para o PDT. Em 2017, ajudou a eleger o governador Amazonino Mendes, seu correligionário, em eleição suplementar. Depois, entretanto, entrou em rota de colisão com este. No ano passado, candidatou-se a senador, sem sucesso.

Nos últimos dias, um movimento de militantes pedetistas tentou levar o partido para a esfera de influência do secretário estadual de Educação, Luiz Castro (Rede), mas Hissa conseguiu abafar a tentativa.

Amazonino, recolhido desde que deixou o Governo, em dezembro, não participou da Convenção de hoje. Ele e Hissa continuam rompidos.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY