Exploração política!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Por Daniel Melo*

Uma das mais degradantes cenas da vida política se dá quando a desgraça alheia é usada como instrumento eleitoreiro. E o que nós estamos vendo em nossa cidade nos últimos dias. O que seria um caso policial tornou-se uma torrente de acusações contra uma autoridade e seus familiares.

O que está por detrás de tamanha revolta? Desejo de justiça? Não. O que s vislumbra é a eleição municipal 2020. Quem são os autores deste circo? Os que desejam o poder para deles se locupletarem!

Triste nesta história é também a tentativa de se atacar parlamentares municipais que são pessoas corretas e que se recusaram a participar da armação política. Homens e mulheres foram expostos como se fossem bandidos e parceiros de crime. Não conheço todos os vereadores, mas os que vi serem atacados são pessoas do bem, imerecedoras de ataques vis.

Este é lado escuro da política, que agora se aproveita das redes sociais, onde nem sempre há discernimento entre o verdadeiro e o falso. Nas redes sociais se julga, se condena e não se dá chance de defesa. É a inquisição eletrônica que não perdoa, não analisa os fatos antes de julgá-los, mas sentencia implacavelmente.

E o que dizer de apresentadores de Tv que são contratados a peso de ouro para serem instrumentos políticos? Enquanto jornalistas locais ganham pouco e muitas vezes possuem salários atrasados, figuras de fora ganham salários altíssimos em combinações nada republicanas. Qual é o interesse? Além da audiência, o que se quer é poder!

Contudo o eleitor está atento a todas estas artimanhas. Ele possuí o discernimento e saberá entender que política não se faz com ódio e mentiras.

A verdade sempre prevalecerá!

*O autor é pedagogo e pastor da Igreja de Deus Pentecostal do Brasil

Qual Sua Opinião? Comente: