Decisão da Justiça sobre o auxílio é correta

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

A Justiça Federal acatou o pedido de liminar da Defensoria Pública da União de prorrogar por mais dois meses o Auxílio Emergencial para os beneficiários do estado do Amazonas. A decisão foi motivada pelo agravamento da pandemia de Covid-19 no estado, que impediu a volta das atividades econômicas, deixando milhares de trabalhadores e trabalhadoras sem fonte de renda. Eu apoio essa decisão, é uma excelente iniciativa e reconhecimento de que é uma necessidade latente do nosso estado.

Por isso, já venho lutando no Congresso Nacional, desde o ano passado, para que o Auxílio Emergencial seja prorrogado e que seja no valor de um salário mínimo. Votei a favor da prorrogação, mas os parlamentares apoiadores do presidente Bolsonaro não permitiram. Inclusive, apresentei agora em janeiro uma Indicação ao Ministério da Economia para que prorrogue o benefício por mais 12 meses, como medida social para o enfrentamento à pandemia no país.

O Auxílio Emergencial é mais que urgente e necessário, pois inúmeras famílias no país estão passando fome e catando alimento nas lixeiras, principalmente, no Amazonas, onde a segunda onda de Covid-19 está sendo devastadora

Qual Sua Opinião? Comente: