Candidata que sacudiu Iranduba diz que principal luta é pela moralização da Câmara Municipal

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

A empresária Elizabeth Souza, que ficou conhecida em Iranduba como Beth Docinho (DEM), chega à reta final da campanha contabilizando apoios, depois de fazer uma campanha com muita repercussão, que empolgou seus eleitores e irritou os adversários. Entre as diversas propostas que ela apresentou, uma se destaca: a moralização da Câmara Municipal local, que nas últimas três legislaturas teve vereadores presos por corrupção.

Aos 45 anos, mãe de quatro filhos, Docinho se destacou em Iranduba ao liderar movimentos comunitários que pediam melhorias na infraestrutura e segurança. Ela chegou a mobilizar moradores para ajudar a Polícia a localizar criminosos que aterrorizavam bairros locais.

“Já me perguntaram várias vezes se eu não tenho medo de represálias, mas Deus é maior e alguém tem que enfrentar os principais problemas do povo”, diz ela. “Da mesma forma eu vou brigar pela moralização da Câmara. Apoio o Ferraz (o deputado estadual Augusto Ferraz, candidato a prefeito pelo partido dela), mas se ele pisar na bola eu vou cobrar”, acrescenta.

“Já chega de escândalos. Iranduba cansou. Esse município tem um potencial enorme e precisamos saber explorá-lo com competência e honestidade”, defende Docinho.

Nos últimos anos ela liderou mutirões em comunidades para recuperar praças, centros esportivos e escolas. “Não pensava em ser candidata, mas depois de muito mobilizar as pessoas para superar a falta de serviços públicos, fui desafiada e topei o desafio. Agora vão ter que me engolir”, diz ela, parafraseando o veterano técnico Zagalo.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Daniela Morais De Souza

    Avante Beth Docinho #25555

Deixe uma resposta