Acuado com crises na campanha, Marcelo acusa Arthur por tiroteio que na verdade era um assalto

O candidato Marcelo Ramos tem uma campanha embasada em dissimulações, como o blog já mostrou em várias ocasiões. Ontem, entretanto, ele se superou. No início da noite, soltou uma nota dizendo que partidários do prefeito Arthur Neto haviam tentado impedir um comício seu no bairro Terra Nova, promovendo um tiroteio. Na verdade, tratava-se de um assalto ocorrido nas imediações de onde ocorreu a sua reunião. Quatro bandidos atacaram passageiros de um ônibus e foram perseguidos pela Polícia Militar, que acabou prendendo dois deles.

Marcelo tenta criar um fato, a todo custo, que reverta a tendência de queda de sua candidatura, já detectada pelas pesquisas. Tudo o que vem conseguindo, entretanto, é uma sucessão de trapalhadas. Esta foi, sem dúvida, a maior delas. Sem contar que, antes disso, ele atacou o governador José Melo, um de seus maiores apoiadores, para tentar se livrar das denúncias contra a máfia da saúde. Foi criticado duramente pelos simpatizantes do mandatário, que agora debandam para o outro lado.

Veja agora as provas da farsa de Marcelo Ramos. Primeiro, a postagem, que ele já apagou de suas redes sociais, em que cita até um versículo bíblico (colaboração de Silas Câmara para a fraude):

“O desespero do meu adversário não têm limites.
Não satisfeito em forjar vídeos, inventar mentiras, achincalhar a vida das pessoas, usar servidores pagos com dinheiro da prefeitura pra ofender a minha honra e da minha família, chantagear servidores simples que dependem de seus empregos na PMM, agora, partiu para agressões e ameaças nos nossos comícios.
Agora a pouco no nosso comício do Terra Nova militantes foram contratados para atacar as pessoas e tentar gerar uma grande confusão.
O tiro saiu pela culatra. O povo se levantou contra os militantes para me ouvir e voltei para falar dos sentimentos bonitos que nos movem, do amor pelas pessoas e do desejo de mudança.
Somos vítimas de uma campanha feia, cheia de ódio, recheada de mentiras.
Não é fácil, mas precisamos manter a serenidade e o equilíbrio, certos de que a mentira nunca vence a verdade, o medo nunca vence a esperança, a covardia nunca vence a coragem.
Não tem jeito. Quando o povo se engraça com uma ideia, quando a palavra de um homem toca o coração das pessoas, não tem dinheiro, não tem ameaça, não tem chantagem que vença.
Agradeço o carinho do povo do Terra Nova. Retribuiremos tanto carinho cuidando bem da cidade e das pessoas. Não haverá força capaz de deter o desejo de mudança do povo manauara.

‘Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar’.
Josué 1:9

Marcelo Ramos”

Agora, veja os boletins registrados na Delegacia:

novo-documento-820161011012257799-1 novo-documento-820161011012257799-2 novo-documento-820161011012257799-3 novo-documento-820161011012257799-4 novo-documento-820161011012257799-5 novo-documento-820161011012257799-6 novo-documento-820161011012257799-7 novo-documento-820161011012257799-8 novo-documento-820161011012257799-9

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem 2 comentários

  1. Henrique Almeida

    O mais curioso: você, rapidamente, ter acesso ao registro policial completo. Conta pra gente como fez pra conseguir, por favor

    1. Hiel levy

      Ué, trata-se de documentos públicos. E quem controla o governo são vcs. Portanto, não tive privilégios.

Deixe uma resposta