A sofisticação do crime: FDN montou hospital só pra criminosos no Parque São Pedro

A (ainda) maior facção criminosa em atuação no Amazonas, a “Família do Norte”, montou um hospital para atender seus “soldados” em Manaus. Ele funcionava no bairro Parque São Pedro, na zona Norte da cidade, e foi descoberto hoje pela manhã, durante a operação “Pilar IV”, deflagrada pela Secretaria de Segurança.

“Nós notamos que havia caído drasticamente a quantidade de criminosos que procurava os hospitais convencionais após os tiroteios e não conseguíamos entender o fenômeno. Hoje descobrimos que era por causa dessa estrutura montada para atende-los”, explicou o secretário de Segurança, coronel PM Lourismar Bonates.

Policiais cumprem, há três dias, 15 mandados de busca e apreensão e várias prisões, na quarta etapa da Operação Pilar. O alvo é o tráfico de drogas em bairros como Redenção, Alvorada, Parque São Pedro e Lírio do Vale, Zona Centro-Oeste de Manaus. Bonates coordena os trabalhos, tendo ao lado delegado-geral da Polícia Civil, Lázaro Ramos, comandante da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte, além do subcomandante da PM, coronel Disney Brilhante e o delegado-geral Adjunto, Orlando Amaral.

Um efetivo de mais de 250 policiais militares, civis e agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) e Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) estão engajados na operação. Há também helicópteros do Departamento Integrado de Operações Aéreas (DIOA).

“O objetivo é debelar o tráfico de drogas. Essa operação está acontecendo em bairros da zona centro-oeste. Essa é a oitava operação de grande porte que acontece em Manaus e no interior. Esse trabalho vai continuar”, destacou Bonates.

O HOSPITAL

Dezenas de medicamentos foram apreendidos em uma residência no Parque São Pedro, na zona oeste de Manaus, em uma espécie de “hospital do crime” frequentado por membros da FDN, que precisavam de atendimentos emergenciais. O local foi descoberto durante a quarta fase da Operação Pilar, da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). No local, duas mulheres foram presas com drogas e uma arma de fogo.

Deflagrada ao longo dos últimos três dias, a operação resultou na prisão de 60 pessoas envolvidas em crimes como tráfico de drogas, roubos e homicídios. O secretário de Segurança, coronel Louismar Bonates, coordenou os trabalhos ao lado do delegado-geral da Polícia Civil, Lázaro Ramos, e do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte. Ao longo da operação, 40 quilos de drogas foram apreendidos.

Segundo Bonates, o “hospital do crime” recebia traficantes que entravam em confronto com rivais e que, por medo de serem presos, não procuravam a rede pública de saúde. “Após uma denúncia, a Polícia Militar foi até o Parque São Pedro, na zona norte, e localizou o pronto-socorro. Pessoas que eram feridas em tiroteios não estavam mais indo para a rede pública de saúde e, agora, a Polícia Civil vai continuar investigando para descobrir a origem do material utilizado neste local”, afirmou.

O comandante-geral da PM explicou como a Força Tática chegou ao local da denúncia. “Recebemos a denúncia e, no local informado, foi encontrado material hospitalar para atendimento inclusive de pessoas com problemas de alta complexidade. Fizemos a prisão de duas pessoas e a apreensão de uma arma e de outros materiais”, disse o coronel Ayrton Norte.

Conforme o delegado-geral, a PC trabalha para descobrir também quem participava do “hospital do crime”, atendendo os criminosos ou fornecendo materiais. “Foram apreendidos vários tipos de medicamentos, inclusive medicamentos que eram utilizados em urgência. Vamos analisar, mandar para a perícia e também solicitar informações aos órgãos públicos, a postos de atendimentos, a farmácias, para saber de onde veio esse lote de medicamentos”, disse Lázaro Ramos.

No local, os policiais prenderam Jackeline Costa de Azevedo, 21, e Rosivane Ferreira de Azevedo, 35, e apreenderam gazes, luvas estéreis, soro, linhas de sutura, bisturi, anestesias, remédios injetáveis, equipo, escalpe, Gelco, Glicose, entre outros produtos.

FOTO: Erlon Rodrigues

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
10

LEAVE A REPLY