Susam diz que está zerando filas de exames no 28 de Agosto

O Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto zerou a fila de pacientes que precisam de exames como cateterismo, angioplastia, arteriografia, ecocardiograma e risco cirúrgico. De acordo com a direção da unidade, nos três primeiros, a fila chegava a 40 pessoas.“Esses pacientes, às vezes, esperavam por um mês ou, quando rápido, 20 dias para fazer o exame. Agora, em 12 ou 24 horas o hospital já providencia o exame”, afirma o diretor Eduardo Mesquita.

De acordo com Mesquita, a melhora no serviço ocorreu após a regularização dos pagamentos pela Secretaria de Estado da Saúde (Susam) à empresa prestadora do serviço.

“A partir do retorno dessa empresa, nossa dinâmica de realização dos exames melhorou porque, antes, dependíamos exclusivamente do hospital Francisca Mendes”, explica.

Quanto à fila de espera por exames de ecocardiograma e risco cirúrgico, a mudança se deu com o fim da prestação de um serviço sem cobertura contratual e a contratação de uma nova empresa por meio de licitação.

“Com os exames realizados de forma mais rápida, o paciente permanece menos tempo no hospital”, afirma Eduardo. “Com isso, evita-se risco de complicação do quadro do paciente em consequência da demora. Quando cai o tempo de internação, mais rápido os leitos ficam vagos, o que ajuda a atender outros pacientes”, diz o diretor.

O Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto é uma das maiores unidades da rede estadual de saúde. Em 2018, a média de atendimento foi de 20 mil pacientes por mês.

Somente nos três primeiros meses de 2019, o hospital realizou 553 ecocardiogramas – média de 43 por semana. Em 2018, foram 623 em todo o ano.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY