Mais um jornalista morre vítima de Covid-19 no AM e categoria se mobiliza por vacina

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Morreu hoje no início da manhã o jornalista Marinaldo Matos, de 47 anos, mais uma vítima da Covid-19 na categoria. Ele estava internado no hospital Delphina Aziz e não resistiu às complicações da doença. O profissional vinha atuando como coach, mas passou por redações e assessoria de imprensa de órgãos públicos ao longo da carreira.

Muitos colegas de Matos se manifestaram nas redes sociais lamentando seu falecimento e enfatizando a necessidade de vacinação na categoria, cuja maioria está na linha de frente da cobertura da pandemia de Covid-19.

A Federação Nacional dos Jornalistas está mobilizando toda a categoria no país para cobrar a inclusão dos profissionais no Plano Nacional de Imunização. Ontem todos foram conclamados a vestir azul, a fim de chamar atenção para a campanha.

O corpo de Marinaldo Matos está sendo velado na funerária Nossa Senhora de Aparecida, na avenida Pedro Teixeira, em frete ao Sambódromo, até as 18h de hoje e entre as 6h e 10h de amanhã, quando sairá para o sepultamento no cemitério Nossa Senhora Aparecida, no Tarumã.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta