Zé Ricardo apresenta proposta do Centro de Referência dos Direitos e de Cidadania da Mulher

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Nesta segunda-feira, o candidato a prefeito de Manaus, José Ricardo (PT), e seu vice, Yann Evanovick (PCdoB), da Coligação “Compromisso com o Povo”, esteve juntamente com a militância realizando panfletagem no bairro Mutirão, Zona Norte de Manaus. O “Centro de Referência dos Direitos e de Cidadania da Mulher” foi uma das propostas voltadas para as mulheres e defendidas por eles durante a distribuição dos materiais de campanha.   

O “Centro de Referência dos Direitos e de Cidadania da Mulher” será um complexo com diversos serviços para auxiliar a mulher, como assistência jurídica e social, acompanhamento psicológico, visando o enfrentamento à violência e o empoderamento delas como individuo e profissional. “Reconhecemos a importância de fortalecer as lutas das mulheres na construção de uma sociedade forte, porque sabemos que é a mulher que quase sempre está como chefe das famílias brasileiras, cuidando da educação e do sustento dos filhos; e também são elas que estão na maioria das vezes na liderança das principais lutas sociais, como na luta dos professores para melhorar a educação, dos funcionários da saúde, nos trabalhos das igrejas, na Pastoral da Criança. Elas precisam de um efetivo apoio do poder público para desenvolver todo seu potencial”, afirmou José Ricardo, destacando que vários movimentos de mulheres participaram da elaboração do Plano de Governo.

A coligação “Compromisso com o povo” tem ainda outras propostas direcionadas para elas, como implementar o Programa “Mulheres Mil” para promover inclusão social e profissional a mulheres em situação de vulnerabilidade; assegurar a titularidade em nome da mulher e implantação do Programa “Mulheres na Reforma Agrária”; fortalecer o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher; construção de Maternidade Municipal com Sistema Humanizado; a criar a Secretaria Municipal de Direitos da Mulher e a casa “Abrigo para Mulheres vítimas de violência”.

Quando vereador de Manaus, José Ricardo criou a lei que reformulou o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e o projeto que prevê que 30% da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Manaus (CMM) seja composta por mulheres. Na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, ele conseguiu a aprovação do projeto que proíbe que o poder público pague shows e atividades culturais que denigram a imagem das mulheres e apresentou também o projeto para garantir policial feminina nas delegacias para atender as mulheres agredidas.

Como agenda de rua desta terça-feira (6), os candidatos participaram, às 8h, de panfletagem com “bandeiraço” e minicomício, na avenida Carvalho Leal (Bairro Cachoeirinha, Zona Sul). Já às 17h, a militância de rua faz caminhada com panfletagem no bairro Francisca Mendes, Zona Norte.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta