Zaidan esclarece que Evandor não teve responsabilidade sobre empréstimo à Brasjuta

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

evandor geber

O chefe da Casa Civil do governo estadual, Raul Zaidan, enviou mensagem ao blog anexando todos os documentos que comprovam sua atitude em 2011, quando da análise de empréstimo vultoso da Agência de Fomento do Estado ao grupo MG, dono da Brasjuta. Ele esclarece ainda que o atual presidente da Afeam, Evandor Geber (foto), não teve envolvimento no assunto e, como gerente que era à época, também desaconselhou a operação.

Na época, o grupo MG negociou uma sociedade com o governo estadual, via Afeam, para recuperar sua fábrica de juta. O órgão estadual acabou liberando mais de R$ 13 milhões, dos R$ 25 milhões requeridos, ficando de posse de 45% da empresa.

A Brasjuta – antiga Brasil Juta – tinha um histórico complicado. Por isso, Zaidan, como membro do conselho da Afeam à época, e o então secretário de Fazenda, Ísper Abrahim, presidente do mesmo conselho, desaconselharam a operação. A diretoria da Afeam ignorou a posição deles e levou o negócio adiante.

Agora, a operação é objeto de processo na Justiça Federal, que corre em sigilo.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta