TV Amazonas surpreende com cobrança para subir vídeo de candidatos em novo sistema

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Durante reunião hoje no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) para definir as regras da propaganda eleitoral nos veículos da grande mídia, a TV Amazonas, afiliada da Rede Globo, surpreendeu a todos ao informar que cobraria uma taxa de R$ 90 por cada vídeo enviado pelos partidos para veiculação. Segundo os representantes da emissora, o valor se refere à subida das peças no novo sistema que ela utiliza, dispensando a utilização de mídias físicas. Houve muito protesto dos representantes partidários, alguns assustados com o novo custo, que demandaria gastos de até R$ 18 mil por entrega, das legendas e coligações que dispõem de maior tempo de exibição.

Na saída da reunião, alguns partidos cogitaram a hipótese de entrar com ação contra a TV Amazonas na Justiça Eleitoral, para garantir a gratuidade da propaganda, como determina a legislação.

Tradicionalmente a TV Amazonas impõe regras mais rígidas em todas as eleições, por conta de ser a emissora com maior audiência média em todos os horários, mas nunca impôs o pagamento de qualquer taxa. Nas eleições anteriores, a emissora adotava medidas rigorosas para a entrega do material, sem abrir exceções.

O caso ainda vai ser decidido pelo TRE-AM.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Paulo

    Bom dia!
    Pelo que entendi a Tv Amazonas aceitou.a entrega em discos físicos no formato XDCAM. A emissora fez de tudo para que fossem usadas as plataformas pagas utilizadas hj na parte comercial da empresa (pago). Primeira vez que ví a empresa sair de uma reunião dessas sem ter prevalecido sua vontade. Novos tempos!!!

Deixe uma resposta