Servidores da Ouvidoria vão à sede do Governo tentar reverter extinção

Servidores da Ouvidoria do Estado estiveram esta manhã na sede do Governo do Estado, na Compensa, tentando conversar com o governador José Melo para faze-lo voltar atrás da decisão de extinguir o órgão, fato consumado com a aprovação do Projeto de Reforma Administrativa na Assembleia Legislativa, há uma semana.

Há alguns anos a Ouvidoria, que foi criada ainda na gestão do ex-governador Amazonino Mendes, passou a ser uma espécie de “feudo” do deputado federal Silas Câmara e da igreja Assembleia de Deus, que ele comanda no Estado. A última chefe do órgão foi sua assessora, Zanele Teixeira.

Os servidores temem que, com a extinção, que teria sido negociada com o deputado em troca de outras benesses, gere a demissão deles, o que fatalmente ocorrerá.

Até o fechamento desta postagem, eles ainda não haviam sido recebidos.

 

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta