Secretária que ganhou R$ 50 mil no sorteio da Nota Fiscal vai ajudar quem está passando fome

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

A grande ganhadora do sorteio especial da campanha Nota Fiscal Amazonense, a secretária Flávia Silva de Castro, já tem planos para os R$ 50 mil. O dinheiro será investido na finalização da casa da família, iniciada em dezembro, na festa do filho caçula, mas também será empregado na compra de cestas básicas para pessoas em situação de vulnerabilidade. A família quer ajudar quem, por causa da pandemia, está sem alimento na mesa.

No final de janeiro, a Sefaz, por meio do Núcleo de Educação Fiscal (NEF) realizou o sorteio mensal da Nota Fiscal Amazonense. A grande vencedora foi Flávia Silva de Castro. Já a instituição sortuda foi a Associação de Surdos e Mudos de Manaus (Asman), que receberá o valor de R$ 20 mil reais.

A Campanha Nota Fiscal Amazonense tem por objetivo geral tornar a exigência dos documentos fiscais eletrônicos um hábito por parte dos cidadãos, por meio de estímulo, na forma de premiações, aos consumidores e a entidades sociais sem fins lucrativos credencidadas.

Ao se cadastrar na Campanha e realizar uma compra informando seu CPF na Nota Fiscal eletrônica, você concorre prêmios instantâneos (seis prêmios diários, de R$ 200 a R$ 1000, com depósito automático na conta cadastrada); mensais (dez prêmios de R$ 5 a R$ 20 mil e realizado mensalmente); e especial (dez prêmios de R$ 10 a R$ 50 mil), realizado uma vez por ano.

Novo sorteio

Mais de R$ 100 mil reais em dinheiro serão sorteados no próximo dia 17 de fevereiro, data em que está marcado o sorteio da Campanha Nota Fiscal Amazonense. A Campanha tem como objetivo estimular a exigência de nota fiscal no ato da compra por parte dos contribuintes, que assim estimulam a arrecadação do estado e ainda concorrem a prêmios.

Nesta próxima quarta-feira (17), serão sorteados sete prêmios de R$ 5 mil, dois prêmios de R$ 10 mil e um prêmio de R$ 20 mil. Mais de cem entidades de cunho social vinculadas à campanha também concorrem a serem contempladas com um valor correspondente a 40% de cada prêmios, desde que seja indicada pelo contribuinte sorteado. O valor é pago à parte do prêmio de pessoa física.

Para este primeiro mensal, concorrem todos aqueles CPFs cadastrados no site da campanha e que tenham pedido CPF na nota neste mês de janeiro. Atualmente, há mais de 374 mil pessoas cadastradas, mas vale lembrar que, mesmo cadastrado, é necessário pedir o CPF na nota para a identificação do vencedor.

De acordo com o Departamento de Tecnologia da Informação da Sefaz (Detin), para o sorteio de janeiro estão concorrendo 195.752 pessoas, com um total de mais de um milhão de bilhetes. Foram apuradas 935.134 notas em um valor de mais de R$ 245 milhões. O resultado do sorteio será divulgado nas mídias do Governo do Amazonas e da Secretaria de Fazenda.

De acordo com o coordenador da Campanha Nota Fiscal Amazonense, o auditor fiscal Augusto Bernardo Cecílio, pedir a nota fiscal é um ato de cidadania e controle social, que traz benefícios.

“Em todas as suas compras, é fundamental que você peça a sua nota fiscal. E se você colocar o CPF (e estiver cadastrado no site), estará concorrendo a prêmios diários, mensais e especiais. É muito importante que as pessoas saibam que a cada nota que você pede, está ajudando o estado do Amazonas a aumentar a arrecadação, e esse dinheiro arrecadado volta pra gente na forma de serviços públicos, e isso é fundamental em época de pandemia”, declarou ele.

Como se cadastrar

Para participar, o consumidor deverá exigir que o CPF seja informado na nota fiscal eletrônica (NFC-e ou NF-e). Porém, é imprescindível que ele tenha efetuado o seu cadastro no Portal da Cidadania Fiscal, no endereço eletrônico nfamazonense.sefaz.am.gov.br, momento em que deverá indicar uma entidade social sem fins lucrativos para ser co-beneficiária das premiações.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta