Reforma já começou: Suhab e Prosamim praticamente acabam após novas demissões

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

prosamim

Depois da publicação da demissão de mais 77 servidores comissionados, ontem, ficou claro que a reforma no setor de infraestrutura será mais profunda do que se imaginava. Além da extinção da Secretaria da Região Metropolitana, já decidida, a Superintendência de Habitação do Estado e o Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus praticamente foram extintos com as novas demissões.

Todos estes órgãos deverão ser incorporados pela Secretaria de Estado da Infraestrutura, que ficará sob o comando de uma espécie de super secretário. Os nomes mais cotados são o do atual presidente da Suhab, Gilberto de Jesus, e o do ex-secretário municipal de infraestrutura, Américo Gorayeb.

Ontem comentava-se nos bastidores do governo que uma nova lista de demissões deve ser publicada ainda esta semana, com mais de 80 nomes.

O governador José Melo já anunciou que encaminhará a nova reforma administrativa à Assembleia Legislativa no dia 20. Como esta data cai num domingo, é muito provável que o documento chegue ao Legislativo na segunda, 21.

Todos os escritórios do Prosamim foram fechados, apesar de ainda estarem em andamento algumas obras do programa, que deverão ser assumidas pela Seinfra.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Elza Silva - Pedagoga

    Uma vergonha, falsas promessas, um ser inescrupuloso, um apocalipse, um senhor que joga milhares de pais e mães de famílias na desgraça e com isso contribuirá com o crescimento da marginalidade social (furtos, roubos, prostituição e etc..)
    Quando chamou a todos os funcionários terceirizados, comissionados e etc…, para trabalhar na sua eleição pois se eleito NINGUÉM SERIA DEMITIDO !
    Nossa que ser mentiroso ! Se apegou na crise do planalto para assim enganar os menos esclarecidos e/ou aos que não tem tempo para ler os golpes por este Brasil à fora.
    Um dos projetos criados no governo Eduardo Braga conhecido por AME A VIDA atuando nas delegacias distritais da Policia Civil tem atuação excepcional e contribui em muito na diminuição dos CRIMES ONDE ESTE PROJETO ATENDE.
    Esse governo é DESTRUIDOR, EXTERMINADOR e só não acabou, também este projeto, por intercessão dos políticos de Brasília, mais ficou com dia e hora pra acabar assim com o GALERA NOTA 10 !
    Fora Melo !

Deixe uma resposta