Policiais se empenham em ajudar a quem precisa, arrecadando e distribuindo alimentos

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Além da missão de “servir e proteger”, inscrita no lema da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) há 184 anos, os militares da corporação hoje vêm atuando em ações solidárias, voltadas para o cuidado e o bem-estar do próximo. Diante do cenário da pandemia de Covid-19, que tem trazido dificuldades para muitas pessoas e famílias no estado, muitos policiais vêm se mobilizando nas redes sociais para arrecadar alimentos, remédios, insumos hospitalares e dinheiro para beneficiar famílias, comunidades carentes e até policiais diagnosticados com a doença causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2)

Uma dessas iniciativas é a campanha “Ação Solidária Amigos Stives”, que é capitaneada por militares que atuam no Comando Geral da PMAM e está realizando a arrecadação e doação de cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade social. A campanha iniciou em 28 de janeiro e, até a última terça-feira (02/02), já tinha distribuído cestas básicas para quase 340 famílias que estão sem renda ou sem trabalho em razão da pandemia.

Os policiais participantes passaram a fazer publicações nas redes sociais para difundir a iniciativa, tanto para as pessoas que precisam da ajuda como para os que se dispõem a contribuir com doações de alimentos ou valores em dinheiro, para serem revertidos na compra dos alimentos.

Para a cabo Célia, uma das organizadoras da campanha, a iniciativa tem sido gratificante, porque reforça a importância de ajudar o próximo. Ela ressalta que este é um momento de união em que todos precisam estar envolvidos por um bem comum. “A campanha nos mostra o quanto é recompensador ajudar as pessoas”, enfatiza.

Outra ação é a campanha solidária de arrecadação de alimentos não perecíveis, realizada de forma conjunta pela Pré-Escola Creche Infante Tiradentes (Pecit) e pelo Colégio Militar da PMAM – CMPM V, desde o dia 15 de janeiro. A ação já beneficiou 51 famílias até a primeira semana de fevereiro de 2021. As comunidades que estão recebendo as doações passam por um processo de triagem, realizado pelos profissionais das duas instituições.

As doações acontecem via direct das redes sociais da Pecit e do CMPM V, por contato telefônico ou por informações do efetivo Policial Militar. A tenente-coronel Rejane Filgueiras considera as campanhas de grande importância, ao possibilitar “que cada um faça o que está ao seu alcance para diminuir a dor do outro”.

Outra campanha promovida pelos militares é a “Ação Solidária Entre Amigos”, que busca arrecadação de dinheiro para insumos hospitalares, medicamentos e aparelhos no auxílio de tratamento de policiais militares com Covid-19. Por meio da iniciativa foram arrecadados mais de R$ 6 mil, que ajudaram 250 policiais militares e seus familiares na compra de oxímetro e equipamentos de oxigênio.

De acordo com o cabo Arancibia, da 12ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), a “Ação Solidária” foi criada junto com policiais da 20ª e 22ª Cicoms, que se uniram com a ajuda de amigos, colegas de farda e apoiadores a fim de auxiliar policiais e seus familiares que passam por momentos difíceis em decorrência da doença.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta