Polícia prende homem que extraía areia de forma ilegal na reserva do Tarumã

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Policiais militares do Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb), por meio do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) e em conjunto com a 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), detiveram, na manhã desta quarta-feira (24/06), um homem por extração irregular de minério e danos ambientais a áreas de preservação permanente no bairro Tarumã, zona oeste de Manaus.

Por volta das 11h, a equipe da polícia ambiental deslocou-se até o ramal do Milton, na BR-174, quilômetro 15, bairro Tarumã, para atender a uma ocorrência de extração ilegal de minérios, que causava dano ambiental direto à área de Preservação Permanente do Tarumã-Açu.

Chegando ao local, a guarnição identificou o proprietário do areal, maquinários utilizados e as irregularidades. Questionado sobre as ações irregulares cometidas no local, o homem informou que possuía Licença de Operação. Porém, foi constatado pelos policiais que as atividades não estavam em conformidade com a licença apresentada e que tal ato configurava abuso de licença. Todo o material utilizado nas ações ilegais foi apreendido, entre eles, duas balsas, um empurrador, três tratores e quatro caminhões.

Mediante os fatos, o infrator recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (DEMA) para os procedimentos legais.

O CPAmb e o BPAmb orientam que executar pesquisa, extração de recursos minerais, entre outros, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente configura crime ambiental, sujeitando seu(s) autor(es) às penalidades previstas na Lei.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta