Os desafios de 2022… Olho nos oportunistas!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O ano de 2021 está na reta final. Entramos na sua última semana, 2022 está chegando repleto de grandes desafios para todos nós. A minha grande missão será contribuir para a reeleição do Presidente Bolsonaro, um líder popular, responsável, patriota e absolutamente dedicado em fazer o melhor pelo Brasil. Será preciso união, dedicação, comprometimento e, acima de tudo, conquistar corações e mentes para vencermos uma verdadeira aliança do mal que as esquerdas estão preparando. Eles não têm limites e nem regras. Vale tudo pelo poder.

No Amazonas, a direita começa a mostrar sinais de união. O nosso partido, PL, está de portas abertas para abrigar todos que querem superar as diferenças e estabelecer uma via única de atuação. Entretanto, temos declaradamente um novo oportunista de plantão, atende pela alcunha de Chico Preto, falso como o seu apelido, ele nem é Chico e nem preto, mas é sim um filhote da velha política, cria de Eduardo Braga, vive perambulando por todas as vias, agora está posando como se fosse uma novidade no cenário atual, tem quase trinta anos de vida pública sem ter nenhum registro de algo útil e ou relevante que tenha produzido no estado. Adota um discurso que é uma contradição de expressão, não entende que preparo intelectual e capacidade gerencial são coisas bem diferentes de ser um mero carreirista político.

Agora o dito cujo quer ser “Bolsonarista”, mas contestando as suas decisões, do tipo daqueles que fingem ser algo que não é, típico dos oportunistas que se criaram na onda do Presidente e ato contínuo mostraram a sua verdadeira face, esse discurso em 2022 não vai colar.

O Presidente Bolsonaro já tem definido seus candidatos para os cargos majoritários e proporcionais em todos os estados da federação. No Amazonas, sinto-me honrado por ser o escolhido para capitanear esse processo, temos grandes nomes e o nosso compromisso é ganhar as eleições para o Senado e entregar dois deputados federais comprometidos com o seu projeto, parlamentares que não contestem suas decisões, que ajudem a formar uma base forte e fiel no congresso. Precisamos de governabilidade para promover as reformas que o Brasil tanto precisa.

Em 2022, não vamos dar espaço para meninos de recado, teremos a responsabilidade de escolher muito bem nossas companhias, iremos valorizar como nunca DEUS, PÁTRIA, FAMÍLIA e a LIBERDADE.

Quero desejar a todos um ano de 2022 com muita luz, equilíbrio, inteligência e capacidade de discernimento, as eleições serão decisivas para o futuro de cada um de nós.

Feliz ano novo!

Selva!

Qual Sua Opinião? Comente: