Oreni Braga propõe a criação do maior parque de biodiversidade do planeta em Manaus

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Presidente da Empresa Amazonense de Turismo (Amazonastur) por quase duas décadas, período durante o qual o setor cresceu e se consolidou no Estado, Oreni Braga decidiu este ano disputar uma vaga na Câmara Municipal de Manaus pelo Avante. Apresenta um currículo vasto, com várias realizações, e propostas ousadas, como a criação do Biopark Manaus, que seria o maior parque de biodiversidade do mundo. O projeto de lei nesté sentido já foi elaborado por ela, com uma equipe de técnicos.

Foi na gestão de Oreni na Amazonastur que foi construído o Centro de Convenções Vasco Vasquez. No período mais de 23 mil pessoas foram capacitadas para atuar no mercado do turismo. O setor movimentou mais de R$ 200 milhões na melhora da infraestrutura de recepção ao turista. Bandeiras internacional também se estabeleceram no Estado e novos vôos foram implantados para os Estados Unidos, Panamá, Caribe,
Argentina e Europa.

“Na época nós montamos uma estratégia de ampliar a malha aérea de Manaus para 16 municípios do Estado, com a Azul Linhas Aéreas, o que gerou mais de 20 mil empregos diretos e indiretos. É essa experiência que eu quero levar para a Câmara Municipal”, diz ela.

Se eleita, Oreni pretende fiscalizar a aplicação correta dos recursos do município e visitar diariamente as comunidades para colher as demandas sociais e transformá-las em Projetos de Lei. Propõe a criação da “Feira Economia Criativa” nos finais de semana, no Centro Cultural Povos da Amazônia; o Programa “Cultura em
Movimento” em todas as zonas da cidade com arte, dança, artesanato, folclore, zumba e música gospel;
Projeto “Modal Fluvial Turístico”, constituído de Balsas Turísticas que farão o percurso de São Raimundo ao Encontro das Águas, com para obrigatória na Feira da Ceasa; Projeto de Lei “Minha Casa Minha Vida Centro Histórico”, que visa oferecer residências para trabalhadores do comércio central; criação do “Centro Cultural Latino Americano”, em Manaus; Projeto de Lei “Cidades Gêmeas”, que visa tornar Manaus cidade gêmea com
Paris; Projeto de Lei que visa a suspensão do ISS e IPTU para o trade turístico por dois anos consecutivos;
Projeto de Lei que tem como objetivo criar o Programa “Bóia na Mesa”, para as comunidades abaixo da linha da pobreza e a criação do Biopark Manaus, que seria o maior parque de biodiversidade do planeta.

Além de técnica atuante no setor do turismo, Oreni Braga é cantora gospel e enfatiza a fé como bússola de toda a sua atuação.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta