O “BOM” VELINHO

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

FullSizeRender-221x300O governador José Melo alimentou, ao longo da campanha política do ano passado, o slogan “o bom velinho”, que alguns opositores tentaram colar nele pejorativamente, mas seus marqueteiros acabaram transformando em algo positivo.

Pois bem, com todo respeito à idade do governador, ele está se mostrando, na realidade, um algoz para os milhares de bons velinhos espalhados pelo Amazonas.

Eu explico: ninguém sofreu mais com a inflação dos últimos anos e com a crise que os idosos. Os produtos que eles mais consomem ficaram bem mais caros, aí incluídos itens de alimentação especial, energia, serviços médicos e medicamentos.

Como se esse massacre não fosse suficiente, Melo decidiu aumentar em 1% o Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços, o ICMS. Com o efeito cascata que isto pode causar, os produtos devem ficar até 6% mais caros no Estado.

E quem mais vai sofrer com isso? Justamente a categoria onde Melo se isere: a dos mais idosos.

O governador, entretanto, não quis ser solidário com seus iguais, que mais uma vez saem prejudicados.

Nem tão bom velinho assim…

Wanderley Dallas, deputado estadual em quarto mandato, oposicionista do momento. É presidente da Comissão de Transportes da Assembleia Legislativa.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta