MP apura denúncias contra administração do hospital Doutor Fajardo

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

O Ministério Público, por meio da 70ª Promotoria do Patrimônio Público, está apurando denúncias de improbidade administrativa contra o diretor do Hospital Infantil Dr. Fajardo, médico Aly Ballut. Ele é acusado de pagar notas ficais emtidas por fornecedores, sem a devida prestação de serviços, além de permitir a aquisição de medicamentos e insumos sem o devido emprenho administrativo, entre outras situações.

As denúncias foram encaminhadas por servidores e fornecedores que se julgam prejudicados pelo médico. Alguns funcionários alegam que foram deslocados para funções que não são aquelas para as quais prestaram concurso ou que sempre desempenharam.

Há também queixas sobre as constantes ausências do diretor, que daria prioridade para o trabalho em seu consultório particular e em uma cooperativa privada. Ele é acusado ainda de acobertar colegas, que também estariam deixando de cumprir plantões.

Servidores que fizeram contato com o blog afirmam que as denúncias também foram encaminhadas à Secretaria de Saúde, que não instaurou sequer um procedimento para apurá-las.

Por conta do que vem ocorrendo os funcionários dizem que a situação daquela unidade de saúde é caótica.

O blog tentou entrar em contato com o diretor, mas não conseguiu.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta