Militares vão comandar campanha de Bolsonaro no Norte

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Assim como no Amazonas, onde o tenente coronel da reserva Ubirajara Rosses foi o escolhido para assumir o diretório regional do PSL e comandar a campanha do presidenciável Jair Bolsonaro, em outros Estados do Norte, como Rondonia e Acre, militares também estão assumindo o comando do partido e a campanha. Na foto acima, o coronel rondoniense Marcos Rocha aparece ao lado do parlamentar carioca.

Ouvido há pouco pelo blog, Rosses disse que ainda não definiu as candidaturas que o partido vai lançar no Estado. “Estamos trabalhando nisso com muito cuidado e critério. Haverá surpresas”, garantiu.

Ele ainda não sabe se a médica Adriana Guimarães será mesmo a candidata ao Senado. “Estamos conversando com ela e com outros companheiros”, afirmou.

O novo dirigente descarta influências políticas de lideranças tradicionais do Estado em sua escolha. “Isso é maldade de quem sabe quem queria estar no comando da legenda”, diz.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Roberto Gonçalves

    Bolsonaro e Ten Cel Rosse, estamos juntos.

Deixe uma resposta