“Mau gestor mata mais que bandido”, diz Wilker em reunião

O candidato ao governo do Estado, Wilker Barreto (PHS), visitou, no fim da tarde desta quarta-feira (2), a empresa Amazon Aço, localizada no Puraquequara, Zona Leste, e conversou com aproximadamente 200 trabalhadores. 

Na ocasião, Barreto alertou para a principal prejudicada com a má gestão da qual o Estado tem sido vítima nas últimas décadas: a população. Segundo ele, negligenciar serviços básicos como saúde, educação, segurança e emprego é inaceitável. “Um gestor que negligencia seu dever, chega a matar mais que um bandido. É pior porque vai de forma silenciosa”, disse.

De acordo com Wilker Barreto, a maneira ultrapassada e errada de governar de ex-governadores resultaram no caos que o  Estado vive hoje. “Os ex-governantes têm forma muito cara de governar. A história do ‘rouba, mas faz’ deixou o Estado com está. O país como está. Repleto de desvios”.

Barreto ressaltou, ainda, a importância de o governo do Estado ter os empresários como parceiros afim de evitar mais desemprego no Amazonas. “O governo é o maior adversário do desenvolvimento do nosso Estado atualmente. São incapazes de sentar com empresários e procurar  saber de que forma eles podem construir para o progresso “, disse.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Manauara

    Nobre candidato o que mata mesmo é um político corrupto. Um secretário ladrão. Uma licitação viciada. E o desperdício que o servidor público está acostumado a fazer. Até hoje o município de Manaus não tem um código de ética. Mais em todas as repartições municipal tem o cartaz aonde ameaça o cidadão que paga os salários destes servidores através de impostos com cadeia. Já que qualquer reclamação é considerado como desacato. Esta na hora de termos leis que ampare os cidadãos e garanta um atendimento melhor e mais humanizado. E principalmente a transparência dos gastos em tempo real.

Deixe uma resposta