Marcelo Ramos estreita laços com David, mas teve pelo destino do Avante em nível nacional

O vice-presidente da Câmara Federal, deputado federal Marcelo Ramos (sem partido), selou, ontem, em reunião com a secretária Municipal de Assistência Social, Jane Mara, os vereadores Rosivaldo Cordovil (PSDB), Caio André (PSC) e Daniel Vasconcelos (PSC), além de representante do vereador Allan Campelo (PSC), o destino dos R$ 6 milhões em emendas do parlamentar destinados à Secretaria. Ele tem se aproximado da gestão de David Almeida (Avante), mas teve se filiar ao partido deste por desconfiar que a legenda pode apoiar o presidente Jair Bolsonaro (PL) na eleição deste ano.

“Decidimos direcionar as minhas emendas para reformas em 20 CRAS (Centros de Referência da Assistência Social), que são a porta de entrada para o Sistema Único de Assistência Social, bem como para a compra de cestas básicas para o combate à fome”, disse Ramos, ao sair da reunião, na sede da Secretaria.

Além dos R$ 6 milhões já empenhados para a Assistência Social de Manaus, Ramos já firmou compromisso por mais R$ 2 milhões em emendas impositivas para ações de extrema pobreza. “Reafirmo, assim, minha parceria com o prefeito David Almeida, que tem feito um belo trabalho em Manaus”, afirmou o deputado federal.

Já a secretária Jane Mara agradeceu o apoio de Ramos, ao elogiar a iniciativa do parlamentar em dar suporte aos trabalhos da assistência social da Prefeitura. “Esse apoio em recursos será diretamente investido nas pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social e de violação de direitos”, resumiu a secretária.

Volta ao Mapa da Fome-Diante de um cenário em que o país volta para o mapa da fome e que as pessoas em situação de insegurança alimentar somam mais de 84 milhões, 41% da população, Marcelo Ramos resolveu destinar a maior parte do total de suas emendas parlamentares – R$ 27 milhões de extras mais R$ 24 milhões de bancada – para a assistência social do Amazonas.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta