Maior e mais tradicional Júri Simulado do Estado inicia na próxima segunda-feira, no MPAM

Dez universidades públicas e privadas iniciam, na segunda-feira (3), os duelos do 20° Júri Simulado do Ministério Público do Estado (MPAM), o mais tradicional do Amazonas.

Agendado para toda a próxima semana (de 3 a 7 de junho), a 20ª edição do Júri é organizada pelo Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), com total apoio do procurador-geral do MPAM, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, e dos membros. Os debates acalorados acontecerão no auditório Carlos Alberto Bandeira de Araújo, no edifício-sede, localizado no bairro Nova Esperança.

Este ano participarão do Simulado do MPAM os estudantes de direito da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), da Universidade Paulista (Unip), da Universidade Nilton Lins, da Escola Superior Batista do Amazonas (Esbam), do Instituto Amazônico de Ensino Superior (Iames), do Centro Universitário do Norte (UniNorte), do Centro Universitário Fametro e das Faculdades Santa Teresa e La Salle.

Cada equipe terá seis acadêmicos, sendo três titulares e três suplentes, totalizando 60 competidores de dez universidades.

Ao final dos cinco dias de duelos, os três melhores times serão premiados com medalhas e troféus. Eles receberão uma premiação em dinheiro, com valores entre R$ 1,4 mil e R$ 3 mil.

Conforme a organização do simulado, os destaques individuais também serão premiados. “O Júri Simulado do MPAM é uma oportunidade única de troca de experiências, é um marco na vida desses estudantes de direito, que se preparam para desafios futuros“, comentou, entusiasmado, o procurador-geral do MPAM, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior.

O Júri Simulado do MPAM é considerado um dos mais tradicionais do Amazonas. A edição 2024 vai homenagear o procurador de Justiça, escritor e ex-locutor esportivo Nicolau Libório dos Santos Filho.

Ansioso pela disputa, o chefe do Ceaf, promotor de Justiça João Gaspar Rodrigues, afirmou que Júri Simulado aproxima o Ministério Público do ensino superior. “Há juízes, promotores e advogados hoje que participaram de júris simulados do MPAM e lembram disso com muita satisfação, como um momento importante da sua vida estudantil e profissional”, complementou.

No ano de 2023, a UniNorte faturou o título da competição, seguida da Martha Falcão em 2º e da Fametro em 3º.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta