Juiz manda Governo se manifestar em processo que apura os gastos com a realização da “pelada milionária”

O juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública, Ronnie Frank Stone, citou o Estado, o Fundo de Promoção Social e o secretário de Juventude, Esporte e Lazer, Fabrício Lima, para apresentar defesa em ação popular movida pelo comerciário Ricardo Alexandre Alves de Oliveira, em que contesta a realização do jogo “beneficente” entre os times “Amigos do José Aldo” e “Amigos do Ronnys Torres”.

O comerciário suspeita de que seja investida uma soma vultosa para realizar a partida, com o intuito de promover o Governo e não apenas de prestar solidariedade aos carentes.

Relembre aqui a ação.

E veja os ofícios enviados ao Governo:

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta