Furto de energia e sonegação constatados no estacionamento de um dos maiores condomínios de Manaus

Funcionários da Eletrobras e policiais da Delegacia Especializada em Combate a Furtos de Energia, Água, Gás e Serviços de Telecomunicações constataram hoje que a empresa Norte Park Estacionamentos, que atua no condomínio de escritórios Atlantic Tower, um dos maiores e mais luxuosos de Manaus, instalou um “gato” no forro do estabelecimento. Foram os próprios condôminos, revoltados com outras iniciativas criminosas da empresa, que fizeram a denúncia.

Além de furtar energia, a Norte Park está atuando irregularmente no edifício. É que o CNPJ que consta nos recibos entregues aos clientes é de outra empresa, a North Spark. Enquanto a primeira tem o documento de número 14.046.223/0001-02, a segunda é registrada sob o número 19.831.571/0001-04.

O contrato está vencido desde o último dia 5. Trata-se de um dos melhores negócios deste setor em Manaus. O estacionamento do Atlentic Tower tem 580 vagas, em dois andares, e atende a nada menos que 380 consultórios e escritórios divididos em duas torres. Ali estão alguns dos mais badalados médicos e advogados do Estado, o que garante um movimento constante e um faturamento de R$ 4 mil por dia, em média, para a operadora.

As queixas contra a administradora do estacionamento são múltiplas. Até boletim de ocorrência já foi registrado pelo condomínio na Delegacia de Crimes Fazendários, porque a empresa não emite nota fiscal nem dispõe da máquina necessária para este fim.

“Denunciamos a empresa tanto pelo furto qualificado de energia quanto por sonegação de ISS, PIS, COFINS, CSLL e ICMS”, afirmou o advogado do condomínio, Ricardo Gomes. Ele promete ainda representar às Fazendas Públicas Federal, Estadual e Municipal para que apurem as condutas da empresa North Spark estacionamentos, que também deverá responder por estelionato, pois, segundo o jurista, seu cliente não tem qualquer relação jurídica com o CNPJ da empresa que opera e lucra no local, sem pagar tributos, água, energia, nem aluguel.

Os funcionários da Eletrobras constataram que a empresa não tinha medidor de energia, nem ligação normal. Também esteve no prédio equipe da Delegacia de Crimes contra a Fazenda Publica que constatou que a empresa North Spark Estacionamentos não emite cupom fiscal em nenhum pagamento aos consumidores que estacionam seu carros no Atlantic Tower.

A administração do condomínio informou que está na Justiça para retomar a posse do imóvel e expulsar a empresa Nortepark Estacionamentos, com a qual não possui relação jurídica alguma e que buscará ressarcimento de todos os seus prejuízos.

Para o advogado, de uma só vez podem ter sido vítimas do crime de estelionato as Fazendas Públicas da União, do Estado e Município, que devem investigar outros empreendimentos do grupo.

O responsável pela empresa North Spark estacionamentos, cujo CNPJ é utilizado nos recibos, tem domicílio em São Paulo, onde já foi processado várias vezes por sonegação de impostos.

 

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta