Exame da OAB reúne 703 candidatos a advogado neste domingo no Amazonas

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

A Coordenação do Exame de Ordem da OAB-AM informou que 703 candidatos estão aptos a participar da segunda fase do Exame de Ordem XXXI no Amazonas. Em todo o Brasil são aproximadamente 50 mil examinandos aptos. A prova acontece neste domingo, dia 6/12, às 12h (horário Manaus), no Campus da Universidade Paulista (UNIP).

A organização do Exame é da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e em Manaus, a OAB-AM por meio das Comissões de Exame de Ordem e OAB Universitário acompanham a realização da prova.

O presidente da Ordem, Marco Aurélio de Lima Choy, afirmou que foram tomadas todas as medidas sanitárias no sentido de garantir a segurança dos candidatos. A segunda-fase do Exame de Ordem XXXI estava marcada para ocorrer em abril e chegou a ser adiada quatro vezes, em virtude da pandemia da Covid_19.

“Todos os protocolos foram atendidos. O vírus ainda está presente por isso pedimos aos candidatos que também façam a sua parte como fazer o uso da máscara que será obrigatório, daí recomendamos que o candidato leve mais de uma, o uso do álcool em gel, evitar conversas em grupo ou aglomerações e manter o distanciamento. Estamos todos envolvidos para que esse Exame ocorra com a mais absoluta tranquilidade”, afirmou Choy.

A OAB decidiu, ainda, que os examinandos poderão optar por não fazer essa etapa do exame da Ordem em 6 de dezembro e fazê-lo na segunda fase do exame posterior. “Os candidatos que não realizarem a segunda fase do XXXI Exame, em dezembro, estarão automaticamente inscritos na segunda fase do XXXII exame, em cronograma a ser divulgado posteriormente”, destacou o coordenador nacional do Exame de Ordem, Beto Simonetti.

A segunda-fase do Exame de Ordem é prático-profissional. O tempo de duração é de 05 horas e o examinando terá de fazer uma redação de peça profissional e aplicação de quatro questões, sob a forma de situações-problema, compreendendo as seguintes áreas de opção do examinando, quando da sua inscrição: Direito Administrativo, Direito Civil, Direito Constitucional, Direito Empresarial, Direito Penal, Direito do Trabalho ou Direito Tributário e do seu correspondente direito processual.

Acesso via Parque Dez e Djalma Batista

Devido a realização da obra que a Prefeitura de Manaus vem fazendo em um trecho da Av. Mario Ypiranga no acesso à Unip, a direção da universidade vai liberar a entrada dos examinandos pelo bairro Parque Dez. Também será feita a liberação pela Avenida Djalma Batista.

Os examinandos deverão comparecer aos respectivo locais de prova com, no mínimo, duas horas de antecedência do horário previsto para o início da aplicação. Os candidatos deverão portar documento original de identidade com foto, será permitido o uso de canetas de tinta preta produzidas em material transparente. Não será autorizado o uso de borracha ou corretivo de qualquer espécie durante a realização do Exame.

Recomenda-se que cada candidato leve água para o próprio consumo, em embalagem transparente, para evitar a utilização de bebedouros ou de qualquer de outro equipamento de uso coletivo para beber água. Os sanitários terão higienização reforçada durante a aplicação da prova.

Será permitido permanecer no local de aplicação usando face shield, luvas descartáveis desde que sejam transparentes ou semitransparentes, óculos de proteção transparentes e toalhas de papel para a higienização de mãos e objetos.

As salas de aplicação serão organizadas com um quantitativo reduzido e, assim como como corrimãos e maçanetas, serão desinfectadas. Os candidatos ficarão a, pelo menos, um metro de distância uns dos outros. Além disso, álcool gel 70% será disponibilizado em todos os locais.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta