Empresa de tecnologia falha e obriga presidente do TJAM a suspender reunião do Pleno

graça figueiredo

A presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), desembargadora Graça Figueiredo, suspendeu, na manhã desta terça-feira, dia 10, a 651ª Sessão do Pleno, por conta de problemas encontrados no sistema fornecido pela empresa Softplan e que dificultava a continuidade dos julgamentos dos processos.

Segundo informações do diretor Divisão de Tecnologia da Informação e Comunicação, Jonathas Franco, o erro encontra-se nas pautas do Pleno e das Câmaras Reunidas. “Estamos desde segunda-feira, dia 9, esperando um posicionamento da empresa Softplan, mas até o momento não obtivemos resposta. Já cobramos celeridade e esperamos resolver o problema o mais rápido possível”, esclareceu.

Ele ressaltou, ainda, que o Sistema de Automação Judicial (e-SAJ) está funcionando normalmente.

 

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta