Desembargadora proíbe rodoviários de promoverem novas paralisações em Manaus

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

A desembargadora Márcia Nunes Da Silva Bessa, do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região, concedeu liminar ao Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Coletivo Urbano Rodoviário de Manaus e Região Metropolitana (STTRM) determinando que 100% da frota de ônibus permaneça circulando sem interrupção em Manaus. Na prática, isso significa a proibição de que o Sindicato dos Rodoviários promova novas paralisações como a verificada ontem.

Em caso de descumprimento, será aplicada a multa de R$ 80 mil por hora de paralisação.

O assessor jurídico do Sinetram, Fernando Borges, disse que o sindicato patronal está em constante diálogo com os representantes dos rodoviários. “Estamos negociando para pagarmos os benefícios adicionais aos trabalhadores e dessa forma garantir que os serviços de transporte coletivo sejam mantidos e que não haja demissões neste difícil momento para a população”, destacou.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta