Deputado sugere que FVS-AM passe a ter o nome de Rosemary Pinto, heroína da pandemia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

De acordo com projeto de lei, de autoria do deputado estadual Belarmino Lins (PP), a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS) poderá receber o nome da epidemiologista Rosemary Costa Pinto, falecida em janeiro deste ano de Covid-19. A propositura tramita nas comissões técnicas da Assembleia Legislativa (Aleam) e, se for aprovada, a entidade passará a ser denominada Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas Dra Rosemary Costa Pinto.
“Como é do conhecimento de todos, a FVS-AM, no dia 22 de janeiro deste ano, perdeu a sua diretora-presidente Rosemary Costa Pinto, vítima da Covid-19. Mas, a verdade é que desde março de 2020, quando a pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2) começou no Estado, a Dra. Rose, como popularmente era conhecida, atuou na linha de frente da luta contra a doença que ainda hoje preocupa as autoridades do Amazonas”, argumenta o deputado progressista, justificando sua propositura.

Rosemary era farmacêutica bioquímica, sanitarista e epidemiologista de carreira da FVS, instituição que ajudou a fundar há 25 anos. Foi formada pela Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Osvaldo Cruz – ENSP/Fiocruz, e era especialista em informação e informática em saúde pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Segundo Belarmino Lins, a Dra. Rose deixa um grande legado no enfrentamento à pandemia, exemplar para todo o Estado, atuando com equilíbrio nas orientações para que o Governo do Estado adotasse sempre as melhores medidas sanitárias na luta contra a disseminação da pandemia.

“A propósito, detalha o deputado, urge destacar a medalha da Ordem do Mérito com que o Governo do Amazonas reconheceu o trabalho competente e brilhante desenvolvido pela Dra. Rose no combate à pandemia”. Igualmente Belarmino destaca o Diploma de Honra ao Mérito recebido pela grande profissional de saúde do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) em função dos relevantes serviços prestados pela epidemiologista ao povo amazonense.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta