Deputado critica cortes de energia em Igrejas, mas elogia atuação da Amazonas Energia

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print
O deputado estadual João Luiz (Republicanos) criticou hoje os cortes de energia ocorridos em duas Igrejas, uma no bairro Educandos, na zona Sul de Manaus, e outra em Parintins. Ele chegou a falar em “perseguição a instituições religiosas”, mas depois, ainda durante o discurso, elogiou a atuação da concessionária Amazonas Energia durante Praça do Consumidor promovida pela comissão que ele dirige em Presidente Figueiredo, no último final de semana.

“Eu quero acreditar que não seja uma perseguição às instituições religiosas no Estado do Amazonas”, disse o deputado, sobre os cortes de energia. Segundo ele, a Igreja localizada no Educandos havia solicitado uma “manutenção”, que foi agendada para o último domingo, dia em que os evangélicos costumam se reunir em cultos. “Enviaram vários documentos pedindo o adiantamento do serviço, mas as pessoas acabaram ficando na escuridão no domingo”, disse ele.
Outra situação estranha relatada pelo deputado teria ocorrido em Parintins, onde uma Igreja teve a energia cortada devido ao “consumo mínimo de energia”.
“Significa dizer que não se pode economizar energia. Se nós economizarmos a energia, se ela for mínima vai ter a penalidade porque o seu consumo está mínimo. Quer dizer que a população vai ter que gastar mais energia, ou seja, a empresa vai obrigar o consumidor a gastar energia?”, questionou o parlamentar.
Elogios
Depois de fazer as críticas, o deputado mudou radicalmente o discurso, elogiando a Amazonas Energia por participar, na última sexta-feira (8), da Praça do Consumidor promovida por ele em Presidente Figueiredo, “aonde atendeu mais de 100 pessoas”.
“Parabenizamos a empresa Amazonas Energia pela atuação que tem feito com a Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa e pelos trabalhos que foram desenvolvidos também em Presidente Figueiredo”, discursou.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem um comentário

  1. Alexandre

    A polícia federal precisa investigar a AMAZONAS ENERGIA.

Deixe uma resposta