Defensoria vai ajudar servidores públicos que estão muito endividados a resolver problemas

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), por meio do Núcleo de Defesa do Consumidor (Nudecon), celebrou um termo de cooperação técnica com a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) para implementar atividades de prevenção e tratamento de servidores públicos em situação de superendividamento, nesta quarta-feira (8), no Quartel do Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas, no bairro Petrópolis, Zona Sul de Manaus. 

A solenidade oficial para validação dos termos e condições do termo de cooperação será realizada posteriormente com o Comandante-Geral da Polícia Militar do Amazonas, coronel Marcos Klinger dos Santos Paiva, e do Defensor Público Geral, Rafael Barbosa.  

Participaram do evento o defensor público Christiano Pinheiro, coordenador do Nudecon; o coronel Bruno Azevedo, chefe do Estado-Maior Geral da PMAM; a major Flávia Dias, chefe do Centro de Psicologia da PMAM; o coronel Akel, diretor de saúde da PMAM; e a coronel Rejane Filgueiras, diretora de Promoção Social da PMAM.  

“Conversando com nossa equipe da Diretoria de Saúde, em especial, as nossas assistentes sociais e psicólogas, percebemos que era importante realizarmos uma busca ativa por policiais que estivessem superendividados. Daí surgiu esse programa fantástico da Defensoria, com a proposta de trazes palestras e orientar para que o policial tenha saúde financeira”, afirmou o coronel Azevedo.  

O defensor Christiano Pinheiro explicou que a cooperação bilateral será realizada a partir da seleção dos servidores que estão superendividados, por parte da Polícia Militar, e do encaminhamento para serem atendimentos pela Defensoria.

“Como servidores públicos, todos sofremos assédio de consumo, então é fundamental que saibamos sair dessas armadilhas, mas também saibamos tratar daquele consumidor, e é para isso que existe a Defensoria e o Nudecon. É fundamental tratarmos o ser humano, então esse projeto busca valorizar o policial militar”, afirmou.

Durante a solenidade, Pinheiro realizou uma palestra sobre “O superendividamento e os reflexos na vida do servidor público” para informar os servidores sobre educação financeira e esclarecer sobre a atuação multidisciplinar da Defensoria, por meio dos planos de pagamento.  

A soldado do Comando de Policiamento do Interior (CPI) Juvania Pedroso, que assistiu à palestra, destacou a importância do projeto para os servidores públicos. “Muitas vezes adquirimos empréstimos e não recebemos as devidas informações, o que nos leva ao endividamento. Então, ter conhecimento e auxílio nesse processo é fundamental”, frisou.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta