De posições radicais, vice-governador de Roraima renuncia ao cargo

O vice-governador do Roraima, Paulo César Quartiero (sem partido), deixou o cargo. A carta de renúncia foi entregue à Assembleia Legislativa ontem. Ele havia rompido com a governadora Suely Campos (PTB) em 2015. Líder ruralista, ex-deputado federal e empresário do agronegócio, ele é adepto da pregação radical do deputado carioca Jair Bolsonaro (PSL) e já defendeu o fuzilamento de lideranças indígenas, como o secretário do Estado do Índio, Gilson Igarikó, a quem demitiu durante uma interinidade.

Os deputados estaduais foram convocados para uma sessão extraordinária nesta sexta-feira, 26, quando ele explicou a renúncia. Ele atacou a administração da governadora por questões administrativas e também criticou a “falta de habilidade para lidar com a crise da imigração de venezuelanos”. Assim como Bolsonaro, Quartiero defende um maior controle da fronteira e não gosta da ideia da concessão de abrigo a estrangeiros.

O agora ex-vice governador é produtor rural e pecuarista, com propriedades em Roraima e no Pará. Gaúcho, formou-se em Agronomia na Universidade de Passo Fundo. Foi prefeito de Pacaraima, cidade na fronteira brasileira com a Venezuela, entre 2005 e 2008. Ficou famoso em todo país quando pregou a desobediência civil no caso da demarcação das terras da reserva indígena Raposa Serra do Sol.

Foi eleito deputado federal nas eleições em 2010 e vice-governador em 2014.

OUTRO LADO

“Uma pessoa com a trajetória de vida que tenho, ficha limpa, e que ganhou a eleição como ganhei, lutando contra os valentões que saquearam o Estado, não se abala fácil. Desde o primeiro dia do meu governo, esses mesmos tentam a todo custo me impedir de trabalhar. Estou focada na missão que o povo de Roraima me confiou. Se há uma coisa que me guia todos os dias, é a coragem de seguir sempre em frente”, limitou-se a dizer a governadora Suely Campos, em seus perfis nas redes sociais.

Qual Sua Opinião? Comente:

Este post tem 3 comentários

  1. Thomas A. Edson

    Será que ele tem imóvel no Amazonas ?

    Será que ele topa transferir o título ?

    Estamos precisando de um desses aqui …

    #somostodosquartiero

  2. dominmgos moura

    quanta desinformaçao.isso é jornalismo:?os membros doPIP(PARTIDO DA IMPRENSA PROPINEIRA),estao cada vez pior

    1. Hiel levy

      Ao invés de apenas ofender, por que você não aponta os erros na postagem? Se não, fica parecendo que tem lado a situação e pretende apenas desqualificar o publicado. Ah, e como dizem os antigos, “o bom julgador por si julga os outros”. Se você é “propineiro”, não julgue que os outros são iguais.

Deixe uma resposta