David louva, homenageia vítimas da Covid-19 e fala em resgate dos políticos na posse

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

“A população não acredita mais na classe política. A nossa geração tem a chance de mudar isso”. A frase foi repetida três vezes pelo prefeito David Almeida na solenidade de posse, ocorrida agora à tarde na Câmara Municipal de Manaus. Nem tão restrita assim – compareceram mais funcionários que o esperado e mais convidados que o previsto -, a cerimônia teve a presença dos principais secretários e de autoridades, a maioria por vídeo conferência, inclusive o governador Wilson Lima (PSC).

David evitou citar o nome dos principais adversários, elencou a falta de serviços públicos como seu principal inimigo e prometeu buscar a excelência na prestação de serviços.

O prefeito quebrou o protocolo ao discursar de improviso e ao pedir um minuto de aplausos às vítimas da Covid-19, citando nominalmente sua mãe, Rosa; o ex-prefeito José Fernandes, o ex-deputado Miqueias Fernandes e o ex-secretário Wilson Wolter.

Também surpreendeu ao convidar a filha, Fernanda Aryel, para entoar um louvor. “Sei que o Estado é laico e eu vou respeitar todas as religiões, mas sou cristão e não vou perder essa oportunidade de entoar um cântico de louvor a Deus”. Os dois cantaram juntos uma canção gospel.

Adventista, o prefeito surpreendeu ainda ao citar músicas de Raul Seixas, Renato Russo e Cazuza.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta