Conselheiro suspende processo seletivo em Santa Isabel do Rio Negro

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Relator das contas do município de Santa Isabel do Rio Negro do ano de 2018, o ouvidor-geral do Tribunal de Contas do Amazonas, conselheiro Érico Desterro, suspendeu o Processo Seletivo Simplificado (PSS) da prefeitura de Santa Isabel do Rio Negro, para contratação temporária de 257 profissionais de nível Superior, Médio e Fundamental I e II, com salários de até 4,5 mil. O edital do PSS nº 01/2018 foi lançado em 21 de fevereiro.

A representação contra a Prefeitura de Santa Isabel do Rio Negro foi ingressada pela Secretaria-Geral de Controle Externo do TCE no último dia 12 de março e deferida pelo conselheiro-relator Érico Desterro logo após a sessão do Pleno. Na decisão, publicada no Diário Eletrônico do TCE desta terça (27), o conselheiro determinou a suspensão imediata do PSS e concedeu o prazo de cincos dias para que a prefeitura e a Secretaria Municipal de Educação apresentem justificativas às impropriedades apontadas.

Entre as irregularidades identificadas no edital estão a falta de reserva de vagas para portadores de necessidades especiais e a ausência de justificativa para a realização de uma contratação temporária excepcional. O conselheiro Érico Desterro também ressaltou, em seu despacho, que o município não realiza concursos públicos desde 2010, o que contraria a lei.

PSS em fase de análise de currículos

O prefeito de Santa Isabel do Rio Negro, Araildo do Nascimento, deve cumprir a decisão imediatamente, uma vez que o PSS se encontra na fase de análise de currículos, podendo prejudicar os candidatos, que correm o risco de ter seus contratos considerados ilegais.

O edital prevê o preenchimento de 257 vagas para cargos de professores, pedagogos, nutricionistas, técnico em nutrição, auxiliar de creche, auxiliar de biblioteca e auxiliar de serviços gerais para a Secretaria Municipal de Educação, com salários que variavam de R$ 965 a R$ 4,5 mil. As inscrições foram entre 23 de fevereiro e 1 de março, com lotação para Zona Urbana, Zona Rural e Área Indígena.

 

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta