Comissão de Finanças aprova 24 projetos e deputado critica falta de fiscalização das leis pelo poder executivo

A Comissão de Finanças Públicas da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), realizou na manhã desta quinta-feira (10), a quarta Reunião Ordinária de 2016. Dos 30 projetos em pauta dos parlamentares, 24 foram deliberados, que seguem para as demais comissões e posterior votação no plenário. Outros seis projetos serão revisados e novamente avaliados.
O presidente da Comissão de Finanças, deputado Adjuto Afonso, fez um balanço da reunião. “É um balanço positivo, não sei se até o final do ano faremos outra reunião com tantos projetos como foi essa, todos de iniciativa de deputados e muito relevantes. Esses projetos ainda vão passar por outras comissões, mas deverão receber parecer favorável também, pois todos são benéficos para a sociedade, e faremos de tudo para aprová-los em tempo hábil”, disse o parlamentar.
Adjuto Afonso também fez uma crítica à falta de fiscalização pública referente aos projetos aprovados na Casa Legislativa. “Na hora em que esse projetos forem regulamentados pelo poder executivo, é necessário que o poder determine as secretarias para que coloquem em prática e divulgue junto à sociedade, que precisa ser informada das leis a seu favor criadas nesta Assembleia”.
A Comissão é composta de cinco membros efetivos e três suplentes. Participaram da reunião, além do deputado Adjuto Afonso (PDT), que preside a Comissão, os deputados Sabá Reis (PR) e Alessandra Campêlo (PMDB).

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta