Começa pelos idosos a tão sonhada vacinação dos cidadãos comuns contra a Covid-19

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

Manaus entrou hoje para valer na campanha de vacinação dos cidadãos comuns contra a Covid-19, começando pelas pessoas acima dos 80 anos. Não faltaram cenas de emoção neste primeiro dia, nos postos espalhados pela cidade. Depois dos profissionais de saúde, índios e alguns poucos inconscientes, que furaram a fila e atrasaram o início, o processo começa a ganhar velocidade e realizar o sonho de todos.

A vacinação está ocorrendo em cinco pontos estratégicos da cidade. Os postos estão abertos das 9h às 16h para atendimento de toda a cidade. Não há necessidade de se concentrar em um único local de vacinação. Se você mora na zona Norte e puder ir ao posto da zona Oeste, pode ir sem problema.

A Prefeitura ressalta que os locais foram estruturados para funcionar tanto como drive-thru, para as pessoas que podem se locomover usando transporte próprio, quanto como postos fixos, para quem se desloca a pé ou utiliza o transporte coletivo.

Com a meta de imunizar 100% dos idosos com 80 anos e mais, a Prefeitura de Manaus iniciou nesta sexta-feira, 29/1, a campanha de vacinação contra a Covid-19 em cinco postos fixos instalados nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste, envolvendo também a modalidade drive thru.

A oferta da vacina para a faixa etária a partir de 80 anos, organizada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), seguirá até dia 3 de fevereiro, das 9h às 16h, nos seguintes pontos da cidade: Complexo de Exames do Detran (zona Norte), estacionamento da Universidade Paulista (Unip) (zona Sul), balneário do Sesc (zona Oeste), Clube do Trabalhador do Sesi (Zona Leste) e shopping Phelippe Daou (zonas Norte e Leste).

“Os locais para vacinação foram escolhidos para facilitar o acesso da população, conforme nos determinou o prefeito David Almeida. A estratégia de atendimento é por drive thru, para quem tem o próprio veículo, mas a Semsa também organizou em cada local um posto específico para atender idosos que se deslocam a pé ou por meio do transporte coletivo”, explicou a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, reforçando que cada idoso deve apresentar um documento de identidade com foto e CPF, para receber a vacina.

Para atender os idosos nesta etapa da vacinação contra a Covid-19, a Semsa elaborou uma programação de acordo com o mês do nascimento. Na sexta-feira, 29/1, a orientação foi para a vacinação de idosos nascidos em janeiro e fevereiro, seguindo com a vacinação dos nascidos em março e abril no sábado (30/1); os nascidos em maio e junho atendidos no domingo (31/1); os nascidos em julho e agosto, na segunda-feira (1º/2); os entre setembro e outubro, na terça (2/2); e os entre novembro e dezembro, na quarta (3/2).

“Estamos diante da campanha de vacinação mais complexa que o Amazonas já viveu e é importante utilizar estratégias para organizar e agilizar o atendimento, diminuindo ao máximo o risco de aglomeração, para proteger a saúde dos idosos”, afirmou Shádia Fraxe.

Campanha

Além da vacinação dos idosos com idade a partir de 80 anos, a atual etapa da campanha contra Covid-19 vai envolver, entre os dias 4 e 9 de fevereiro, a imunização de 100% dos idosos na faixa etária de 75 a 79 anos.

De acordo com a diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica (Deave/Semsa), enfermeira Marinélia Ferreira, a campanha continuará entre os dias 10 e 15 de fevereiro com a imunização direcionada para idosos entre 70 e 74 anos, que são acamados ou que sejam portadores de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), de Insuficiência Renal Crônica, diabetes (insulina dependente) e os que têm obesidade (IMC >40), além dos transplantados e imunossuprimidos.

“O Ministério da Saúde ainda não encaminhou doses suficientes de vacina para imunizar todos os idosos de 70 a 74 anos e por isso a orientação é para priorizar pessoas que já apresentam doenças que podem levar a um maior risco de agravamento pela Covid-19. Essa é uma campanha diferenciada pelo número reduzido de doses de vacina, mas a Semsa tem o objetivo de imunizar todos os idosos, conforme o Ministério da Saúde encaminhe as doses para o município”, afirmou Marinélia Ferreira.

A diretora lembrou ainda que a vacinação dos idosos acamados será iniciada na próxima segunda-feira, 1º/2, por meio das equipes dos Distritos de Saúde (Norte, Sul, Leste e Oeste), que possuem um banco de dados com as informações desses usuários. “A Semsa realiza todos os anos, em outras campanhas, a vacinação de pessoas acamadas em casa e por isso já possui um cadastro desse público. Mas caso seja necessário atualizar dados ou fazer o cadastro de novos idosos, a família pode entrar em contato por meio do Disque Saúde no telefone 0800 280 8 280”, informou Marinélia.

Vacina 

Para a atual etapa da campanha de imunização, Manaus conta com 50.398 doses da vacina AstraZeneca/Oxford, que deve ser aplicada em duas doses, com intervalo entre 8 e 12 semanas. O número de doses é suficiente para cobrir 100% dos idosos com 80 anos e mais, 100% dos idosos com idade entre 75 e 79 anos, e 37% dos idosos entre 70 e 74 anos de idade, no município.

Locais de vacinação do drive thru e pontos fixos 

Zona Norte: Complexo de Exame de Direção Veicular do Detran

Endereço – Avenida Arquiteto José Henriques B. Rodrigues, 962 – Colônia Terra Nova 

Zona Sul: Universidade Paulista (Unip)

Endereço – Avenida Mário Ypiranga, 4.390 – Parque 10

Zona Oeste: Balneário do Sesc

Endereço – Avenida Constantinopla, 288 – Alvorada

Zona Leste: Sesi – Clube do Trabalhador

Endereço – Avenida Cosme Ferreira, 7.399 – São José I

Zonas Norte e Leste: Shopping Phelippe Daou

Endereço – Avenida Camapuã, 2.939 – Cidade de Deus

Cronograma de vacinação 

1ª semana (de 29/1 a 3/2)

Idosos de 80 anos e mais

2ª semana (4/2 a 9/2)

Idosos de 75 a 79 anos

3ª semana (10/2 a 15/2)

Idosos de 70 a 74 anos

Horário de vacinação

Das 9h às 16h

Quem não pode ser vacinado

Idosos com sintomas gripais ou algum outro processo de adoecimento na fase aguda. Estes serão vacinados posteriormente.

Os que tiveram Covid-19 só podem ser vacinados 30 dias após o período da doença.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta