Comando da Marinha no Amazonas troca de mãos, sob elogios

Depois de um ano e três meses à frente da instituição, o vice-almirante Carlos Alberto Matias deixa o cargo de comandante do 9º Distrito Naval – o contingente da Marinha no Amazonas -, que passa a ser ocupado pelo contra-almirante Paulo César Colmenero Lopes. A transmissão de cargo ocorreu hoje.  

Durante a cerimônia, o governador Wilson Lima (PSC) destacou a importância do trabalho da Marinha no Amazonas e região.  “O 9⁰ Distrito Naval tem sido um grande parceiro do estado. Nós reconhecemos esse trabalho que vem sendo feito. Tanto de patrulhamento fluvial quanto de apoio nas operações durante as enchentes, por exemplo, e nas ações de segurança nas regiões de fronteira”, disse Wilson Lima.

O novo comandante do  9º Distrito Naval disse que pretender manter e ampliar as parcerias com o Estado na segurança do tráfego aquaviário e no desenvolvimento social da região amazônica, onde a Marinha do Brasil contribui para as atividades de assistência hospitalar e cívico-sociais, prestadas às populações ribeirinhas.

“Trata-se de uma região muito extensa, uma quantidade de mais de dois mil quilômetros de rios navegáveis que faz a Marinha exercer um papel de extrema relevância”, disse o contra-almirante  Paulo César Colmenero Lopes.

A Marinha está presente no Amazonas desde 1868 e, ao longo desse tempo, tem realizado trabalhos em parceria com diversas instituições e poderes, entre eles o Governo do Estado.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY