Cão que ficou conhecido como “Doguinho do Telhado” é resgatado por equipe amazonense no Rio Grande do Sul

A equipe especializada em resgates de animais em desastres da Comissão de Proteção dos Animais da Assembleia Legislativa do Amazonas (CPAMA-Aleam), que atua no Rio Grande do Sul (RS), resgatou, na manhã deste sábado (11/5), o cachorro conhecido com “Doguinho do telhado”, no bairro Mathias Velho, em Canoas/RS.

O animal ficou conhecido após uma corrente do bem na plataforma X (antigo twitter) ter ficado em alta. “Salvem o doguinho do telhado” entrou no topic trends depois de uma reportagem de uma equipe de televisão de ter flagrado, na quinta-feira (9), o cãozinho em local de difícil acesso, sem saída, devido às fortes chuvas que atingem o estado.

Segundo Rafael Soares, membro da CPAMA, que é especializado em resgate de animal em desastres e participou da ação, o animal, que aparenta ser um cachorro da raça fila, se encontra em estado de desnutrição e hipotermia, devido a exposição extrema ao frio que atinge a região.

“Foram dias sem comer e tomando apenas água da chuva, o que ocasionou uma desnutrição no animalzinho, que é de grande porte. Além disso, ele está com fortes sinais de hipotermia, tendo tremores e com uma respiração fraca, porém, já estamos no abrigo para que ele passe pelo atendimento médico veterinário e possa se recuperar o quanto antes”, disse.

Após passar por todo procedimento para melhoras de saúde, o animal ficará à disposição para encontrar seus tutores. Importante salientar que, de acordo com a deputada Joana Darc, os membros da Comissão, juntamente com ajuda de voluntários do Amazonas, resgataram mais de 200 animais das enchentes que afetam o RS.

Temperatura no Rio Grande do Sul

De acordo com o Clima Tempo, a previsão do tempo para hoje é de temperaturas entre 16° e 22° e com possibilidade de chuva em Canoas – RS. Válido ressaltar que o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta para informar a chegada de uma frente fria que deve derrubar as temperaturas no estado, já castigado por chuvas intensas desde o final de abril.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta